Vampeta debocha de sequestro de Marcelinho Carioca: "Te conheço bem" | A TARDE
Atarde > Esportes

Vampeta debocha de sequestro de Marcelinho Carioca: "Te conheço bem"

Fala do 'Velho Vamp' aconteceu durante entrevista para o podcast 'Campeões da Resenha'

Publicado quinta-feira, 21 de dezembro de 2023 às 10:09 h | Autor: Da Redação
Vampeta e Marcelinho aturaram juntos por três temporadas no Corinthians, no final dos anos 90
Vampeta e Marcelinho aturaram juntos por três temporadas no Corinthians, no final dos anos 90 -

O ex-jogador Vampeta comentou sobre a situação envolvendo Marcelinho Carioca, que foi sequestrado no último fim de semana. Em tom de brincadeira, como é habitual nas entrevistas, o baiano debochou da situação do amigo. 

A fala do 'Velho Vamp' aconteceu durante entrevista para o podcast 'Campeões da Resenha'. O episódio ainda não foi publicado no canal do Youtubr, mas deverá ser divulgado como uma espécie de especial de natal, provavelmente na próxima segunda-feira. 

“Eu acredito em você como grande amigo que eu sei que você é meu. Te conheço bem, mas acredito em tudo que você me falou. Ele saiu, ele foi no sábado, porque domingo ele ia jogar de manhã. Ele foi levar os ingressos. Marcelinho Carioca tá tão bonzinho, né? Saiu do show, passou em Itaquá pra levar uns ingressos. Tá bom, Marcelo, acredito”, disse Vampeta.

Vampeta e Marcelinho aturaram juntos por três temporadas no Corinthians, no final dos anos 90. Juntos, eles fizeram parte do elenco que conquistou o bicampeonato Brasileiro, em 1998 e 1999, além do Mundial de Clubes de 2000.

Sobre o caso

Marcelinho afirma que foi sequestrado após um show do cantor Thiaguinho, na Neo Química Arena. Após a apresentação do músico, ele foi na casa de Thais, sua amiga, para entregar alguns ingressos. "Chegaram três indivíduos e me abordaram, e aí tomei essa coronhada na minha cabeça e depois não vi mais nada. Entrei no carro e já colocaram o capuz e não vi mais nada", detalhou.

A polícia não informou se Thais também foi levada, mas o ex-jogador afirmou em depoimento que a amiga foi vítima do crime. O sequestro durou um dia e meio. Para liberar Marcelinho, a família chegou a enviar R$ 40 mil para os sequestradores.

O ex-jogador foi encontrado pela polícia em uma casa na cidade de Itaquaquecetuba, no início da tarde desta segunda-feira, 18.

Assista:


Publicações relacionadas

MAIS LIDAS