adblock ativo

Crise econômica retira Traz a Massa do Carnaval 2016

Publicado segunda-feira, 11 de janeiro de 2016 às 12:35 h | Atualizado em 11/01/2016, 12:35 | Autor: Juracy dos Anjos
Bloco Traz a Massa só voltará a desfilar no Carnaval de 2017
Bloco Traz a Massa só voltará a desfilar no Carnaval de 2017 -
adblock ativo

Faltando um pouco mais de 20 dias para o Carnaval de Salvador, o bloco Traz a Massa anunciou nesta segunda-feira, 11, que não sairá este ano. Motivo: a crise econômica. Criado em 1981, será a primeira vez que a agremiação não irá desfilar na festa de Momo.

"A decisão da retirada do bloco está ligada à crise econômica na qual o país está passando, impactando diretamente nos patrocinadores e parceiros que sempre acompanharam o Traz a Massa", afirmou o bloco, em nota enviada à imprensa.

Apesar da notícia triste para os foliões do tradicional bloco, a diretoria do Traz a Massa promete voltar na folia de 2017 - e em grande estilo. No próximo ano, a agremiação fará uma homenagem a Aurelino Félix Nabuco, fundador do Traz a Massa.

O bloco, que já reuniu cerca de 5 mil foliões em seus desfiles, teve como atrações É o Tchan, Olodum, Fantasmão, Netinho, Edcity, Psirico, Parangolé, Ilê Ayê, Bom Balanço, Beto Jamaica e Voa Dois.

Nos últimos anos, o Traz a Massa vinham sofrendo com a redução do número de patrocinadores e também de público. Apesar disso, mantinha a tradição de puxar milhares de pessoas no circuito Campo Grande.

Neste ano, o cantor Robyssão estava escalado para puxar o bloco na terça de Momo, como ainda consta no site da agremiação. Aliás, o pagode era uma das apostas para atrair os foliões nos últimos carnavais.

adblock ativo

Publicações relacionadas