Forças russas obrigadas a recuar em pontos próximos a Kiev

Prefeito de Kiev diz que duros combates são travados no norte e no leste da capital ucraniana

Publicado quarta-feira, 23 de março de 2022 às 15:25 h | Atualizado em 23/03/2022, 15:25 | Autor: AFP
Duros combates vem sendo travados nos arredores de Kiev
Duros combates vem sendo travados nos arredores de Kiev -

 As forças ucranianas obrigaram as tropas russas a recuarem em várias frentes de batalha nos arredores de Kiev, afirmou, nesta quarta-feira, 23, o prefeito Vitali Klitschko, que prometeu defender cada edifício da cidade. 

Segundo Klitschko, são travados duros combates no norte e no leste da capital ucraniana, tanto que a "pequena localidade de Makariv e a quase toda Irpin estão sob controle dos soldados ucranianos". 

Irpin se localiza ao leste de Kiev e Makariv está 50 quilômetros a oeste da capital. Repórteres da AFP observaram intensos combates de artilharia em Irpin e Lyutizh no norte de Kiev. "Uma grande batalha acontece desde ontem à noite próximo a Brovari" (a leste de Kiev). 

Uma agência de notícias ucraniana apontou um possível cerco russo de Irpin, assim como de Bucha e Ostome (a oeste). "O objetivo dos agressores é a capital da Ucrânia, o coração do nosso país", disse Klitschko, um ex-campeão mundial peso pesado de boxe, em uma coletiva de imprensa em um parque de Kiev, às margens do rio Dnipro. 

O prefeito ordenou os soldados russos a darem meia volta e voltar para as suas casas e prometeu que se as tropas russas entrassem na capital, cada edifício será uma frente de batalha. 

"Preferimos morrer antes de nos ajoelharmos diante dos russos ou nos render aos invasores", declarou. "Estamos determinados a combater em cada edifício, em cada rua, em cada parte da cidade", afirmou. 

Publicações relacionadas