Ucrânia diz que acordo com Rússia pode ser possível em 10 dias

Podolyak pontuou que não será mais possível dizer que países irmãos

Publicado quinta-feira, 17 de março de 2022 às 19:28 h | Atualizado em 17/03/2022, 19:28 | Autor: Da Redação
Encontros entre negociadores russos e ucranianos passaram a ser virtuais
Encontros entre negociadores russos e ucranianos passaram a ser virtuais -

Um possível acordo entre Rússia e Ucrânia pode ser possível dentro de cerca de 10 dias. A previsão é do negociador ucraniano Mykhailo Podolyak;

Nesta quinta-feira, 17, ele afirmou que acredita que talvez seja necessária uma semana e meia para 'encontrar um acordo sobre os pontos mais controversos'.

"A assinatura de um acordo colocará fim à fase aguda do conflito, nos permitirá honrar todos aqueles que foram assassinados e iniciar a reconstrução do país. Mas, duvido que para os ucranianos a guerra vai acabar ali, não depois de tudo que passamos", disse em entrevista à mídia polonesa.

Conselheiro do presidente Volodymyr Zelenski, Podolyak pontuou que não será mais possível dizer que Rússia e Ucrânia são países irmãos.

"Os pontos disso foram todos explodidos. Criaremos uma fronteira forte e trataremos a Rússia com a frieza que merece um país que invadiu a nossa casa para nos matar".

Ele pontuou ainda que os encontros entre negociadores russos e ucranianos passaram a ser virtuais por causa do tempo gasto com viagens.

"Rússia já perdeu mais soldados do que na guerra da Chechênia e do Afeganistão, com 14 mil mortes, mais de 450 tanques e blindados destruídos, 750 aviões foram derrubados e nós matamos vários de seus generais", avaliou.

Publicações relacionadas