Acusado de corrupção, presidente do Sri Lanka tenta fugir do país

Gotabaya Rajapaksa foi impedido de embarcar para Dubai por funcionários do aeroporto

Publicado terça-feira, 12 de julho de 2022 às 12:26 h | Atualizado em 12/07/2022, 13:21 | Autor: Da Redação
Gotabaya Rajapaksa enfrenta uma onda de protestos por causa das denúncias de corrupção contra seu governo
Gotabaya Rajapaksa enfrenta uma onda de protestos por causa das denúncias de corrupção contra seu governo -

O presidente do Sri Lanka, Gotabaya Rajapaksa, teve a fuga frustrada, nesta segunda-feira, 11, no aeroporto de Colombo, capital do país. Ele tentava embarcar para Dubai quando foi impedido por funcionários da imigração.

Rajapaksa não teve acesso à área VIP onde teria o passaporte carimbado rapidamente e, como não quis enfrentar a fila comum, temendo reações violentas, deixou o local e seguiu para uma base militar, já que teve a casa tomada por manifestantes.

O presidente enfrenta uma onda violenta de protestos contra o seu governo, alvo de denúncias de corrupção. Temendo a ira da população, outros membros da administração também têm tentado deixar o país, sem sucesso.

O seu irmão mais novo, Basil Rajapaksa, que já foi ministro das Finanças, também foi impedido de embarcar para os Estados Unidos nesta terça-feira, 12.

Segundo agências de notícias, uma moção foi apresentada à Suprema Corte do Sri Lanka para proibir a saída de integrantes da família Rajapaksa do país, como Mahinda Rajapaksa, irmão mais velho de presidente, que foi forçado a renunciar ao cargo de primeiro-ministro em maio.

Para pacificar o Sri Lanka, o presidente promete renunciar ao cargo nesta quarta-feira (13).

Publicações relacionadas