Cunhada é condenada por vazar vídeos de sexo de atacante coreano | A TARDE
Atarde > Mundo

Cunhada é condenada por vazar vídeos de sexo de atacante coreano

Hwang Ui-jo tem 19 gols em 62 partidas pela seleção da Coreia do Sul

Publicado quinta-feira, 14 de março de 2024 às 09:01 h | Autor: AFP e Redação
Atacante pertence ao Nottingham Forest, da Inglaterra
Atacante pertence ao Nottingham Forest, da Inglaterra -

A cunhada do atacante sul-coreano Hwang Ui-jo foi condenada nesta quinta-feira a três anos de prisão por publicar vídeos privados explícitos do jogador de futebol e tentativa de chantagem.

A ré, que não foi identificada pelas autoridades, foi acusada de compartilhar os vídeos nas redes sociais enquanto se passava por uma ex-namorada que acusava Hwang de infidelidade.

A divulgação dos vídeos motivou uma investigação policial contra o atacante para esclarecer se os encontros sexuais foram filmados sem consentimento.

Hwang negou as acusações, mas o Ministério Público ainda deve decidir se ele será indiciado ou se o caso será arquivado.

No veredicto, o tribunal de Seul afirma que a cunhada divulgou os vídeos "com a consciência de que seriam disseminados indiscriminadamente", segundo a agência de notícias Yonhap.

"O conteúdo foi amplamente distribuído dentro e fora da Coreia do Sul (...) A natureza do crime é muito grave", acrescentou o tribunal, que considerou como atenuantes o reconhecimento do crime e o pedido de clemência apresentado por Hwang.

O jogador de 31 anos, emprestado recentemente pelo Nottingham Forest inglês ao Alanyaspor turco, tem 19 gols em 62 partidas pela seleção da Coreia do Sul.

A Federação Sul-Coreana o suspendeu da seleção nacional para aguardar as conclusões da investigação, o que deixou o atacante de fora da recente Copa Asiática, disputada no Catar.

Publicações relacionadas