EUA reinvidicam morte de líder de mílicia pró-iraniana em Bagdá | A TARDE
Atarde > Mundo

EUA reinvidicam morte de líder de mílicia pró-iraniana em Bagdá

Os Estados Unidos têm 2.500 soldados destacados no Iraque

Publicado sexta-feira, 05 de janeiro de 2024 às 10:31 h | Autor: Da Redação
Um drone disparou pelo menos dois foguetes
Um drone disparou pelo menos dois foguetes -

As Forças Armadas dos Estados Unidos realizaram um ataque que matou um líder de milícia pró-iraniana em Bagdá, no Iraque, nesta quinta-feira, 4. A responsabilidade do ataque foi assumida por uma autoridade norte-americana à Reuters.

De acordo com fontes policiais iraquianas, um drone disparou pelo menos dois foguetes no leste de Bagdá contra uma instalação usada pelo grupo miliciano iraquiano al-Nujaba'a. Os foguetes atingiram um veículo dentro da sede do Nujaba'a e mataram quatro pessoas, incluindo um comandante do grupo local e um de seus assessores.

“As Forças Armadas iraquianas responsabilizam as forças de coligação internacional por este ataque injustificado a uma entidade de segurança iraquiana”, disse o porta-voz militar do primeiro-ministro, referindo-se ao ataque de quinta-feira.

Os Estados Unidos têm 2.500 soldados destacados no Iraque e 900 na vizinha SíriaGrupos alinhados com o Irã no Iraque e na Síria opõem-se à campanha de Israel em Gaza e responsabilizam parcialmente os Estados Unidos.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS