Polícia Federal apreende cocaína embalada com símbolo nazista

Segundo a PF, a marca nazista seria uma forma de identificar que a droga era do exterior

Publicado quinta-feira, 07 de julho de 2022 às 19:37 h | Atualizado em 07/07/2022, 19:39 | Autor: Da Redação
Os presos e o material apreendido foram levados para a Superintendência Regional da PF em Belém
Os presos e o material apreendido foram levados para a Superintendência Regional da PF em Belém -

A Polícia Federal (PF) apreendeu, nesta quarta-feira, 6, uma tonelada de cocaína que estava embalada com tabletes identificados com um símbolo nazista, em um sítio de Curuçá, no estado do Pará.

De acordo com a PF, o uso da marca nazista seria uma maneira de identificar que a droga era do exterior. Segundo as equipes, dois suspeitos foram presos na ocorrência.

Depois de uma denúncia anônima, a polícia chegou até o sítio com uma autorização judicial. Com equipes da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) e do Núcleo Especial de Polícia Marítima (Nepom), a PF foi até o local e desenterrou a droga. As duas pessoas estavam no local e foram atuadas em flagrante por tráfico.

Os presos e o material apreendido foram levados para a Superintendência Regional da PF, na cidade de Belém, capital do estado.

A lei brasileira pontua que é crime “fabricar, comercializar, distribuir ou veicular símbolos, emblemas, ornamentos, distintivos ou propaganda que utilizem a cruz suástica ou gamada, para fins de divulgação ao nazismo”, com pena de dois a cinco anos de prisão, além de multa.

Publicações relacionadas