Menu
Pesquisa
Pesquisa
Busca interna do iBahia
HOME > OPINIÃO
Ouvir Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no X Compartilhar no Email
10/11/2023 às 5:00 - há XX semanas | Autor: Editorial

Equilíbrio e moderação

Confira o Editorial do Jornal A TARDE desta sexta-feira, 10

Imagem ilustrativa da imagem Equilíbrio e moderação
-

Ninguém em sã consciência torce por greve dos rodoviários, conforme edital publicado, mirando para a próxima terça-feira, dia 14, a asfixia do sistema de transporte, produzindo angústia e ansiedade para quem precisa deslocar-se.

A expectativa de desfecho positivo, a fim de evitar prejuízos para a população em geral, respalda a crença na intenção de alinhamento de bom termo para o conflito entre os condutores, a municipalidade, os empresários e a cidadania.

Emerge da nova divergência o valor da boa vontade, entendida como o topo na hierarquia moral, sem a qual não é possível o convívio sereno recuperado do contexto de crise inadequado para a próspera metrópole quadricentenária.

A pior das opções é a de penalizar os passageiros, sabendo o quanto é importante passar na ‘borboleta’ dos ônibus, meio imprescindível para as pessoas manterem rotinas produtivas em cumprimento à agenda profissional.

A atenção e o cuidado alcançam a todas e todos, quando se sabe da necessidade de chegar aos locais de trabalho e estudo, avançando para dimensão emergencial, ao tratar-se de enfermidades em clínicas e hospitais.

Altera a essência do movimento exigido para uma cidade do porte de Salvador a insensata refrega, transformando o pacífico e ordeiro vaivém cotidiano em correria ao modo gincana, formando-se incontáveis aglomerações nos bairros.

O prefeito de Salvador, Bruno Reis, e os dirigentes do sindicato fazem sua parte, ao negociarem civilizadamente a melhor costura, tomando como certa a aprovação pelos munícipes, ao verificarem-se o equilíbrio e o meio-termo.

Cedendo cada qual uma fração de seus inequívocos direitos, visando solucionar o impasse, chega-se à suspensão da dúvida, para benefício, embora parcial, dos grupos sociais em querela, tendo igualmente suas razões.

Espera-se, portanto, para esta sexta-feira, costumeiramente saudada pela baianidade como o dia da semana dedicado à concórdia, representada na cor branca predominante no vestuário, o benfazejo acordo na Justiça do Trabalho.

Compartilhe essa notícia com seus amigos

Compartilhar no Email Compartilhar no X Compartilhar no Facebook Compartilhar no Whatsapp

Repórter cidadão

Contribua para o portal com vídeos, áudios e textos sobre o que está acontecendo em seu bairro

ACESSAR

Publicações Relacionadas

A tarde play
Play

Simplificando a ortografia e o ensino

x

Assine nossa newsletter e receba conteúdos especiais sobre a Bahia

Selecione abaixo temas de sua preferência e receba notificações personalizadas

BAHIA BBB 2024 CULTURA ECONOMIA ENTRETENIMENTO ESPORTES MUNICÍPIOS MÚSICA POLÍTICA