Bruno Reis comenta disputa pela vaga de vice em 2024: “É muito bom” | A TARDE
Atarde > Política > Bahia

Bruno Reis comenta disputa pela vaga de vice em 2024: “É muito bom”

Prefeito comenta disputa entre Ana Paula Matos e Leo Prates, mas não confirma candidatura à reeleição

Publicado terça-feira, 15 de agosto de 2023 às 12:16 h | Autor: Lula Bonfim
Bruno Reis participou do evento de apresentação da Lei Municipal de Esporte e Lazer
Bruno Reis participou do evento de apresentação da Lei Municipal de Esporte e Lazer -

O prefeito Bruno Reis (União Brasil), de Salvador, comentou nesta terça-feira, 15, a disputa entre a atual vice-prefeita Ana Paula Matos (PDT) e o deputado federal Leo Prates (PDT) para ocupar o posto de vice em uma suposta chapa sua na disputa à reeleição. O gestor municipal, porém, não confirmou que vai concorrer nas eleições de 2024.

Segundo ele, a disputa pelo posto é saudável e indica que o grupo político, liderado por ele e pelo ex-prefeito ACM Neto (União Brasil), tem bons quadros para compor chapas majoritárias.

“Graças a Deus, está sendo uma disputa saudável. O ruim é quando não tem pretendentes querendo casar. Quando tem, isso é muito bom”, afirmou Bruno Reis, durante o evento de apresentação da Lei Municipal de Esporte e Lazer, encaminhada nesta terça à Câmara de Vereadores de Salvador.

Ana Paula Matos já manifestou publicamente a sua intenção de permanecer no posto em um segundo mandato de Bruno Reis. Já Leo Prates tem evitado se colocar como candidato, mas costuma responder que está à disposição do grupo.

Prates costuma dizer que tem o sonho de se tornar prefeito de Salvador e, na avaliação de interlocutores próximos ao grupo de Bruno Reis, uma candidatura a vice pode ser o caminho mais curto para que o parlamentar alcance o posto de mandatário municipal.

O prefeito, porém, não confirmou que será candidato à reeleição. Durante os eventos da prefeitura, Bruno Reis tem se incomodado com perguntas sobre as eleições de 2024 e respondido que só decidirá acerca de temas eleitorais a partir do ano que vem.

“Mas eu só sei se vou ser noivo, se vou casar, no ano que vem. Na hora certa, a gente vai conversar”, complementou o prefeito nesta terça.

Publicações relacionadas