Éden afirma que grupo de Jerônimo terá candidatura própria em Salvador | A TARDE
Atarde > Política > Bahia

Éden afirma que grupo de Jerônimo terá candidatura própria em Salvador

Presidente estadual destacou que o PT e aliados apresentarão um projeto alternativo ao do atual prefeito

Publicado terça-feira, 14 de março de 2023 às 11:01 h | Atualizado em 14/03/2023, 11:25 | Autor: ´Da Redação
Éden Valadares é presidente do PT Bahia
Éden Valadares é presidente do PT Bahia -

O presidente do PT da Bahia, Éden Valadares, garantiu nesta terça-feira, 14, que a candidatura do grupo político que é liderado pelo governador Jerônimo Rodrigues à Prefeitura de Salvador está mantida para as eleições do próximo ano. 

Éden afirmou que a política é “arena da disputa, do embate, da divergência, das contradições" e que algumas dessas contradições, como no plano nacional, se resolvem dialogando, outras no voto. O dirigente usou como exemplo a possível aliança entre o União Brasil nacional e o presidente Lula.

“O União Brasil parece que vai fazer parte da base do presidente Lula, está dialogando com o Governo Federal. Aqui na Bahia, em Salvador e demais cidades baianas, a democracia nos permite um método para resolver essa contradição entre o projeto do DEM [agora UB], de Bruno Reis, de ACM Neto, e o projeto de Jerônimo Rodrigues, do PT, dos aliados, de Rui Costa, Jaques Wagner e Lula, que são as eleições”. 

O dirigente estadual disse ainda que o entendimento entre União Brasil e PT na Bahia não passa de “boatos” e acrescentou que o projeto que será defendido pelo grupo para Salvador é mais “humanista e inclusivo”. 

“Vamos apresentar à sociedade soteropolitana um projeto alternativo a este que está aí. Um projeto com a cara do PT, com a cara dos governos da Bahia, dos nossos aliados, que é cuidar de gente, um projeto mais humanizado, humanista, que cuide menos de praça, que cuide menos de concreto, que cuide menos de pasteurizar a cidade, mas reconheça as singularidades do nosso povo, das nossas comunidades, e, sobretudo, cuide de gente”, pontuou o petista. 

O comentário de Éden vai de encontro à declarações do vice-governador Geraldo Jr., que tem o desejo de ser o candidato único da base, mesmo sendo filiado a um partido de fora da federação. 

“Então, o PT está dialogando com a Federação, vamos começar a dialogar com os aliados e sob a liderança do governador Jerônimo nós vamos apresentar um projeto para a cidade de Salvador diferente, alternativo a este que está aí”, concluiu Éden Valadares.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS