Em Brasília, Cacá defende redução no preço dos combustíveis

Deputado federal da bancada da Bahia se disse contrário à privatização da estatal

Publicado terça-feira, 21 de junho de 2022 às 18:35 h | Atualizado em 21/06/2022, 18:35 | Autor: Da Redação
O Congresso precisa realmente se apresentar como fator preponderante da discussão sobre política de preços da Petrobras
O Congresso precisa realmente se apresentar como fator preponderante da discussão sobre política de preços da Petrobras -

O deputado federal Cacá Leão (PP) e pré-candidato ao Senado nas eleições deste ano, de Brasília, nesta terça-feira, 21, nesta terça-feira (21), disse que é favorável à intervenção na política de preços dos combustíveis no país. Para o parlamentar, as altas dos combustíveis têm afetado toda a sociedade, não apenas quem tem carro, enquanto a Petrobras tem distribuídos altos lucros entre seus acionistas.

“O Congresso precisa realmente se apresentar como fator preponderante dessa discussão. Muitas pessoas acham que isso afeta apenas quem tem carro, quando, na verdade, o preço dos combustíveis é um balizador de toda a nossa própria cadeia produtiva de alimentos, o que influi diretamente no preço do frete e dos transportes públicos”, afirmou Cacá em entrevista ao programa Radar 660, da Rádio Jornal de Itapetinga.

De acordo com o deputado federal da bancada baiana, a Petrobras precisa se renovar e se reinventar. “Eu, particularmente, não sou um defensor da privatização da Petrobras, mas acho que, se o governo brasileiro tem a decisão de ser dono da maioria das suas ações, precisa agir, sim, em cima da política de preços dos combustíveis no Brasil”, completou.

Publicações relacionadas