Ex-chefe de gabinete de João Roma assume PL na Bahia

Cargo assumido por Vitor Viana Paranhos de Azevedo pode indicar ida de Roma para partido de Bolsonaro

Publicado quinta-feira, 24 de março de 2022 às 10:11 h | Atualizado em 24/03/2022, 10:11 | Autor: Da Redação
João Roma apoiará Bolsonaro à reeleição e sua pré-candidatura garante palanque para o presidente da República na Bahia
João Roma apoiará Bolsonaro à reeleição e sua pré-candidatura garante palanque para o presidente da República na Bahia -

O ministro da Cidadania, João Roma (Republicanos), pode estar próximo de sair do partido do qual faz parte desde 2016. Com a confirmação de que a presidência do PL na Bahia será assumida por Vitor Viana Paranhos de Azevedo, ex-chefe de gabinete de Roma, aumentam os indícios de que o pré-candidato a governador da Bahia deve se filiar ao partido de Jair Bolsonaro.

A atual sigla de João Roma deve apoiar ACM Neto e recentemente recebeu a filiação de Alex Santana, que saiu do PDT por ser próximo do presidente da República. No entanto, Alex deve apoiar ACM Neto na Bahia, o que dá indícios de qual será o posicionamento do Republicanos na eleição estadual.

João Roma apoiará Bolsonaro à reeleição e sua pré-candidatura garante palanque para o presidente da República na Bahia. Bolsonaro se filiou ao PL no final do ano passado, após passar a maior parte do mandato sem partido desde seu rompimento com o PSL.

Publicações relacionadas