adblock ativo

Bolsonaro chama Renan Calheiros de bandido: "está de sacanagem"

Publicado às | Atualizado em 16/10/2021, 13:29 | Autor: Da Redação
Relator afirmou que presidente seria indiciado por 11 crimes. | Foto: Marcos Corrêa/PR
Relator afirmou que presidente seria indiciado por 11 crimes. | Foto: Marcos Corrêa/PR -
adblock ativo

Durante conversa com apoiadores, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) chamou o senador Renan Calheiros (MDB) de bandido e afirmou que o parlamentar "está de sacanagem" com o relatório da CPI da Covid.

>>CPI vai indiciar Bolsonaro por 11 crimes, diz relator

A declaração do presidente aconteceu na noite desta sexta-feira, 15, e veio após Calheiros ter anunciado que o relatório final dos trabalhos da CPI indiciaria cerca de 40 pessoas, incluindo o presidente Jair Bolsonaro, a quem seria atribuído 11 crimes.

"O que nós gastamos com auxílio emergencial foi o equivalente a 13 anos de Bolsa Família. Tem cara que critica ainda. O Renan me chama de homicida, um bandido daquele. Bandido é elogio para ele", disse.

"O Renan está achando que eu não vou dormir porque está me chamando de homicida, [ele] está de sacanagem", cutucou Bolsonaro, que afirmou que não viu nenhum governador ser chamado de homicida e que "deu" dinheiro a todos eles.

“O que passa na cabeça dele [Renan] com esse indiciamento? Esse indiciamento, para o mundo todo, vai dizer que eu sou homicida. Eu não vi nenhum chefe de estado [governador] ser acusado de homicida no Brasil por causa da pandemia. E olha que eu dei dinheiro para todos eles”.

adblock ativo

Publicações relacionadas