Bolsonaro diz que 'só na fraude' Lula volta à presidência

Publicado segunda-feira, 21 de junho de 2021 às 13:52 h | Atualizado em 21/06/2021, 13:55 | Autor: Da Redação

Em mais um ataque à legitimidade do sistema eleitoral brasileiro, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou, nesta segunda-feira, 21, que seu potencial adversário em 2022, o  ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), só venceria as eleições com uma “fraude”. Bolsonaro chamou o petista de “o nove dedos”. 

“Só na fraude o nove dedos volta. Se Congresso aprovar e promulgar, teremos voto impresso. Não vai ser uma canetada de um cidadão como esse daqui que não vai ter voto impresso”, disse Bolsonaro em conversa com apoiadores no Palácio da Alvorada.

O presidente não se pronunciou sobre as 500 mil mortes pela Covid-19 no Brasil.O país já acumula 501.918 óbitos pela doença, de acordo com os dados foram reunidos pelo consórcio de veículos de imprensa formado por O GLOBO, G1, Folha de S.Paulo, UOL e O Estado de S. Paulo, que compila informações divulgadas pelas secretarias estaduais de Saúde.

Desde a eleição de 2018, o presidente afirma, sem apresentar provas, que há fraude nas eleições com as urnas eletrônicas. No entanto, nunca foi registrada a comprovação de qualquer tipo de irregularidade que pudesse modificar o resultado das eleições no Brasil. Segundo a oposição, a estretégia do presidente é uma forma de fragilizar as instituições e de preparar o caminho para que ele questione o resultado em 2022, caso não seja reeleito.

Publicações relacionadas