Ibama e Abram realizam operação na casa de Anderson Torres | A TARDE
Atarde > Política > Brasil

Ibama e Abram realizam operação na casa de Anderson Torres

O ex-ministro da Justiça do governo Bolsonaro estaria criando aves silvestres de forma irregular

Publicado terça-feira, 18 de abril de 2023 às 10:51 h | Autor: Da Redação
O ex-ministro afirmou que havia transferido o grupo de animais para a casa da sua mãe,
O ex-ministro afirmou que havia transferido o grupo de animais para a casa da sua mãe, -

Nesta terça-feira, 18, agentes do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) e do Instituto Brasília Ambiental (Abram) realizam uma operação na casa do ex-ministro da Justiça Anderson Torres, no bairro Jardim Botânico, em Brasília. O ex-ministro do governo Jair Bolsonaro estaria criando pássaros silvestres de forma irregular. 

Em fevereiro, o Ibama afirma que encontrou cerca de 60 aves na residência de Anderson, uma delas com a pata mutilada. Na época, ele foi multado em R$ 54 mil pelo Ibama. O órgão ainda diz ter encontrado informações inconsistentes no Sistema de Controle e Monitoramento da Atividade de Criação Amadora de Pássaros (Sispass).

O ex-ministro afirmou que havia transferido o grupo de animais para a casa da sua mãe, mas ambos informaram o mesmo endereço no registro de criação. O Ibama afirma ainda que os dois teriam ultrapassado o limite de transferência de animais estabelecido para criadores amadores.

Conforme o Ibama, Anderson responde por usar animais em desacordo com a autorização obtida, pela inserção de dados falsos no sistema e por mutilação.

O ex-ministro está preso desde 14 de janeiro, sob suspeita de omissão durante os atos golpistas cometidos por bolsonaristas radicais em Brasília, no dia 8 de janeiro, quando ele ainda era secretário de Segurança do DF no início do ano. Anderson nega as acusações.

Publicações relacionadas