PT corta pela metade verba para pré-candidatos aos governos estaduais

Diretório nacional determinou que a fatia reservada aos candidatos a governador será de R$ 41,7 milhões, 8,34% do total

Publicado segunda-feira, 11 de julho de 2022 às 10:51 h | Atualizado em 11/07/2022, 10:51 | Autor: Da Redação
Prioridade da legenda é a eleição de Lula à Presidência
Prioridade da legenda é a eleição de Lula à Presidência -

A fatia do Fundo Especial de Financiamento de Campanha, o chamado fundo eleitoral, que o PT vai reservar para campanhas aos governos estaduais deste ano é quase metade da que foi destinada a elas em 2018.

Há quatro anos, o PT repassou cerca de R$ 32 milhões para as campanhas a governador, ou seja,15% do total do fundo eleitoral da legenda, que era de R$ 212,2 milhões.

Em 2022, com o aumento dos recursos do fundo, a legenda terá R$ 499,6 milhões para dividir em suas campanhas. No entanto, o diretório nacional determinou que a fatia reservada aos candidatos a governador será de R$ 41,7 milhões, ou seja, de 8,34% do total.

Segundo o jornal Folha de S. Paulo, ainda não foram estabelecidos critérios para a divisão desses recursos, mas isso tem causado apreensão entre as pré-candidaturas. O partido, por sua vez, já sinalizou que a prioridade número 1 da sigla neste ano é a eleição de Lula à presidência.

Publicações relacionadas