Infratores ambientais são os maiores financiadores de campanhas | A TARDE
Atarde > Política > Eleições 2024

Infratores ambientais são os maiores financiadores de campanhas

180 pessoas autuadas pelo Ibama contribuíram com um total de R$ 10,4 milhões

Publicado sábado, 03 de setembro de 2022 às 09:14 h | Atualizado em 03/09/2022, 09:15 | Autor: Da Redação
Multas aplicadas aos infratores doadores somam R$ 251 milhões
Multas aplicadas aos infratores doadores somam R$ 251 milhões -

Infratores ambientais aparecem entre os maiores financiadores de campanhas eleitorais este ano. Ao todo, 180 pessoas autuadas pelo Ibama já contribuíram com um total de R$ 10,4 milhões para candidaturas de diferentes partidos. Somadas, as multas aplicadas aos infratores doadores somam R$ 251 milhões. 

O levantamento, feito pelo ‘O Globo’ com base em informações presentes nas planilhas de penalidades aplicadas pelo Ibama e de doadores registrados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) até a última sexta-feira, 2, apontam que, entre os beneficiários, há dez candidatos a governador, oito postulantes ao Senado, 47 à Câmara dos Deputados e 67 às assembleias legislativas de vários estados.

Os dois partidos que receberam o maior parte dessas contribuições integram a coligação do presidente Jair Bolsonaro. O Partido Liberal, atual legenda do chefe do Executivo, já recebeu R$ 2,3 milhões, seguido do Republicanos com R$ 1,6 milhões, MDB com R$ 1,2 milhão e o PSD com R$ 962 mil.

Até agora, Bolsonaro é o único candidato à presidência da República que recebeu doações de infratores, R$ 558 mil. Em mais de uma ocasião, o candidato à reeleição criticou o trabalho realizado pelo Ibama. Durante a sabatina ao Jornal Nacional, por exemplo, ele afirmou que os agentes do organismo cometiam “abuso” ao destruir o maquinário de desmatadores ilegais, o que é previsto em lei.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS