Bacelar anuncia saída do Podemos para o PV

Desfiliação já era esperada desde entrada de Sérgio Moro no partido para concorrer à Presidência da República

Publicado quinta-feira, 24 de março de 2022 às 16:17 h | Atualizado em 24/03/2022, 16:17 | Autor: Rodrigo Aguiar
Aliado do governo Rui Costa, Bacelar vai para sigla que negocia federação partidária com o PT
Aliado do governo Rui Costa, Bacelar vai para sigla que negocia federação partidária com o PT -

Único deputado federal baiano do Podemos, Bacelar informou nesta quinta-feira, 24, sua saída do partido. Aliado do governo Rui Costa, ele vai se filiar ao PV, que negocia fazer parte de uma federação partidária com PT e PCdoB. 

O anúncio da saída do parlamentar ocorre no mesmo dia em que foi oficializado o apoio do Podemos à pré-candidatura de ACM Neto (União Brasil) ao governo da Bahia, mas já era esperado há meses, desde a filiação de Sérgio Moro ao partido para concorrer à Presidência da República.   

"Apesar dos meus 20 anos de partido [o Podemos surgiu a partir do antigo PTN] e de ter uma boa relação com a direção, a questão da candidatura de Moro inviabilizou minha permanência, tendo em vista minha relação com o PT e o governo do Estado", disse Bacelar.

O parlamentar afirmou que está tudo encaminhado para a federação PT-PCdoB-PV, mas evitou comentar as consequências do novo arranjo sobre a participação dos verdes na gestão do prefeito Bruno Reis (União Brasil), aliado de Neto.

"Sempre tive um bom relacionamento com o PV, temos muitas pautas que coincidem. Mas a participação do PV no governo não é comigo", pontuou o deputado.

Federação

Nesta quinta, o PT aprovou um texto que dá aval para a formação da federação com o PCdoB e o PV. Foram 47 votos a favor, o que representa 65% dos participantes da votação. Elaborado pela CNB, corrente majoritária do partido, o documento ainda deve receber emendas.

Publicações relacionadas