Número de militares em estatais cresce 2.275%, indica o Ipea

Cargos ocupados por servidores das Forças Armadas passaram de 8, em 2013, para 190, em 2021

Publicado sexta-feira, 05 de agosto de 2022 às 08:23 h | Atualizado em 05/08/2022, 08:22 | Autor: Da Redaçao
Maior aumento ocorreu na Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh)
Maior aumento ocorreu na Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) -

Um levantamento do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) revela que o número de militares das Forças Armadas que ocupam cargos em estatais e empresas públicas federais cresceu 2.275% desde 2013.

De acordo com os dados publicados na nota técnica “Presença de Militares em Cargos e Funções Comissionados do Executivo Federal”, da pesquisadora Flávia de Holanda Schmidt, em 2013, apenas oito militares ocupavam funções em organismos públicos. Em junho de 2021, o total chegava a 190.

Em números absolutos e percentuais, a maior alta ocorreu em 2016, entre os governos Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (MDB). A quantidade de militares em estatais ou empresas públicas federais passou de 25 para 136, um aumento de 444%. No governo Jair Bolsonaro (PL), o número cresceu de 138 (em 2018) para 190 (em 2021), alta de 38%.

Para realizar a pesquisa, cargos e funções comissionadas das empresas dependentes do Tesouro Nacional ou do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) foram identificados no Sistema Integrado de Administração de Pessoal (Siape). A quantidade de militares em estatais pode ser ainda maior, uma vez que empresas não dependentes desses órgãos não foram inclusas no estudo.

Publicações relacionadas