adblock ativo

PT baiano tem como meta ampliar a votação de Dilma em 10%

Publicado quarta-feira, 08 de outubro de 2014 às 13:21 h | Atualizado em 08/10/2014, 13:21 | Autor: Cleidiana Ramos
Lideranças do PT na Bahia vão trabalhar para aumentar votação de Dilma
Lideranças do PT na Bahia vão trabalhar para aumentar votação de Dilma -
adblock ativo

O governador eleito pelo PT, Rui Costa, pretende trabalhar para aumentar a votação da presidente Dilma Rousseff  ao patamar de 70% na Bahia. Ações de corpo a corpo na capital e no interior do estado serão as principais estratégias adotadas durante as três semanas que restam para o segundo turno da disputa pela Presidência da República.

Amanhã,9,  Dilma desembarca em Salvador. Após um encontro com lideranças, ela vai fazer uma caminhada do Largo de Roma até o Bonfim.

"Eu vou fazer um esforço, inclusive, para visitar os municípios de Iraquara e Barra do Mendes, onde eu e a presidente Dilma conseguimos 90% dos votos", disse o governador eleito em entrevista no programa Bahia Meio Dia, da TV Bahia.  

Rui Costa foi eleito governador da Bahia em primeiro turno com 54,53% dos votos. Dilma obteve 61,44% contra 18,38% de Marina Silva (PSB) e 18,28% de Aécio Neves (PSDB), seu adversário no segundo turno.

No embate direto na Bahia, Dilma saiu em vantagem, pois o principal adversário de Rui Costa foi Paulo Souto, do DEM, que apoia Aécio. Com a eleição decidida em primeiro turno, Aécio não tem um palanque de campanha em andamento no Estado. A Bahia era a única esperança do DEM em todo o país para eleger um governador, frustrada com a derrota de Souto que liderou pesquisas de intenção de voto durante a campanha , inclusive com a possibilidade de vencer em primeiro turno.  

Saúde

Em relação aos projetos, Rui Costa disse que vai privilegiar as ações de requalificação de hospitais no interior do estado e construção de novas unidades.

"Eu quero ser um governador que vai cuidar das pessoas. Nós também temos que olhar para a educação e segurança pública, mas temos uma grande demanda na área de saúde, pois as pessoas estão vivendo mais", disse Rui Costa.

O governador eleito destacou que, no primeiro semestre de 2014, acontecerá a inauguração de dois novos hospitais da rede estadual: o Couto Maia reformulado e o Hospital da Chapada, em Seabra . "Além disso, um dos meus compromissos é a reformulação do Hospital Clériston Andrade, de Feira de Santanta, em relação à qualidade e melhor gerenciamento", acrescentou.

Ele destacou que, no encontro que teve com a presidente ao lado de outros governadores na última terça-feira, em Brasília, foi debatida a questão de mais ajuda federal para a área de saúde.

"Nós já temos programas como o Mais Médicos que ajudou na questão do atendimento, mas existe um funil em relação a exames e cirurgia. É esse funil que precisamos alargar", completou.

adblock ativo

Publicações relacionadas