Menu
Pesquisa
Pesquisa
Busca interna do iBahia
HOME > PORTAL MUNICÍPIOS
Ouvir Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no X Compartilhar no Email
29/05/2024 às 9:00 - há XX semanas | Autor: Miriam Hermes e Letícia Belém

GUIA

Descubra os "caminhos da roça" do São João pela Bahia

Cada cidade baiana conta com suas tradições e peculiaridades

Em Amargosa, a festa principal vai agitar a cidade e arredores entre os dias 19 e 24 de junho
Em Amargosa, a festa principal vai agitar a cidade e arredores entre os dias 19 e 24 de junho -

Cada cidade baiana conta com suas tradições e peculiaridades, mas todas têm em comum uma longa cadeia produtiva para fazer dos festejos juninos um sucesso absoluto

Os festejos juninos que homenageiam três santos muito populares da Igreja Católica mantêm tradições inerentes a cada cidade e lugarejo. Nos municípios da Bahia, os preparativos envolvem desde gestores públicos e suas equipes a comerciantes e vendedores ambulantes, de artistas e dançarinos quadrilheiros a costureiras, artesãos e produtores de licor, milho, mandioca e todas as demais guloseimas típicas da época.

Santo Antônio (13), São João (24) e São Pedro (29) são os mais reverenciados, com programações diversas e em diferentes formatos na grande maioria das localidades. A cultura popular faz a alquimia entre devoção religiosa e festas profanas, o que reflete, além da fé, o jeito alegre de viver da população. Toda essa mistura faz com que este período do ano se caracterize por cores vibrantes e músicas alegres.

Os cenários bucólicos do interior baiano remetem os participantes dos festejos juninos aos ambientes rurais, muitas vezes com fortes lembranças afetivas. Viagens e encontros entre familiares e grupos de amigos marcam o período como um dos mais esperados do ano, motivo de celebração para guardar na memória e no coração.

AMARGOSA

Em Amargosa, com cenário em homenagem aos artistas forrozeiros da cidade, a Praça do Bosque está se transformando para receber os festejos, que têm como tema ‘São João raiz - aqui, o forró tem história’. A festa principal vai agitar a cidade e arredores entre os dias 19 (aniversário municipal) e 24 de junho, com a expectativa de receber cerca de 200 mil pessoas no período e movimentar em torno de R$ 30 milhões na economia local.

Distante cerca de 240 km de Salvador, situada na Zona Turística Vale do Jiquiriçá, Amargosa contará, nos seis dias de festa, com 35 atrações e mais de 130 horas de forró. Com decoração alusiva ao cordel e aos cordelistas, a tradicional Vila Junina Nossa Senhora do Bom Conselho de Amargosa deve criar um ambiente acolhedor e diferenciado no circuito da festa.

A partir deste ano, o palco da vila recebe o nome de Lydia Maria Carvalho (em memória), uma sanfoneira local reverenciada por sua contribuição à vida artística regional. Toda a decoração tem peças produzidas artesanalmente nos três meses que antecederam a programação. Entre o período de montagem e a realização do evento, mais de mil postos de trabalho são criados, gerando ganhos à economia local já antes dos festejos.

ALAGOINHAS

A tradição dos festejos religiosos de junho se mantém forte em Alagoinhas, onde o mês começa com a trezena do padroeiro, Santo Antônio, quermesse e shows comemorativos. A festa reúne, além de católicos devotos, também apoiadores e visitantes. Sem programação anunciada até o fechamento desta edição, o certo é que São João também será festejado, como nos anos anteriores.

Com destaque para o grupo Tia Dulce, as quadrilhas juninas já ensaiam suas marcações para apresentação na Vila de Santo Antônio da Lagoinha, no espaço central na cidade, que será decorado para os dias de festa. Também comunidades rurais, como os distritos de Riacho da Guia e Boa União, terão festividades juninas e devem repetir a tradição das fogueiras, sempre forte nas localidades.

Um dos principais diferenciais da cidade de Alagoinhas, o Trem do Forró não está ativo este ano, porque a empresa operadora da linha julgou melhor cancelar por questões de segurança. Mas este detalhe não deve tirar o brilho do evento, considerando o grande número de filhos da terra que se preparam para passar o São João em Alagoinhas, valorizando memórias afetivas. Outro destaque é o licor alagoinhense, que atrai consumidores à festa.

CACHOEIRA

‘São João Feira do Porto 2024’ é o ponto alto dos festejos na histórica cidade de Cachoeira, com programação entre os dias 22 e 25, que reunirá mais de 50 atrações musicais de diferentes estilos. Organizado para congregar cachoeirenses e turistas, o evento terá, além de artistas renomados, representantes da cena local, valorizando os talentos da terra.

O tema deste ano homenageia as rezadeiras do São João, que há mais de 50 anos mantêm a tradição do tríduo preparatório nos dias que antecedem o 24 de junho na cidade. A celebração da fé, dos costumes e das manifestações culturais, como bumba meu boi e roda de samba, consta na programação, que visa também movimentar a economia local, gerando emprego e renda.

Emblemática e com relevância histórica para o País, Cachoeira tem muitos atrativos que vão além da geografia, monumentos e prédios seculares. A possibilidade de ver o processo de fabrico do licor também chama a atenção de visitantes, assim como os artesanatos de caxixi e a feira junina, com guloseimas e produtos da agricultura familiar.

CAMAÇARI

Com a proposta de oferecer uma programação antecipada na Região Metropolitana de Salvador, Camaçari adiantou a edição 2024 do Camaforró, mantendo espaços tradicionais, como a Vila da Cultura e o Caramanchão. O município marcou os festejos para os dias 13, 14 e 15, no Espaço Camaçari 2000, na sede, com eventos também nos distritos de Abrantes e Monte Gordo e na localidade de Parafuso.

A antecipação foi debatida com o setor comercial e visa atrair mais turistas, levando em conta que os demais municípios da região terão eventos posteriormente. Além do impulso ao turismo, outros segmentos, como serviços e comércio, devem ser beneficiados com a geração de empregos e renda.

Além dos eventos principais, entre os dias 13 e 15, Camaçari, distante 50 km da capital, fará homenagens religiosas aos três santos celebrados neste mês com festividades em vários bairros do município e da costa litorânea. Conhecida como cidade industrial e famosa pelos 42 km de praias, Camaçari anunciou uma grade recheada de artistas de renome nacional, que se apresentam no palco principal.

CANDEIAS

De 21 a 24 de junho, o Arraiá do Aconchego 2024 será destino certo para candeenses e visitantes. O evento acontecerá na Central de Abastecimento, no Centro da cidade, que deve receber um público estimado em 100 mil pessoas, numa área livre de 12 mil metros quadrados. Os organizadores calculam que mais de R$ 21 milhões serão injetados na economia local.

Além de chamar artistas renomados do cenário nacional e estadual, o município conserva o costume de incentivar os produtores de cultura da cidade. Com este propósito, mais uma vez os principais artistas de Candeias têm lugar garantido no evento junino, com apresentações entre as atrações famosas, nos horários de concentração de grande público.

Apontada como uma das maiores festas juninas do estado, a programação em Candeias conta com dois palcos e dois camarotes. O Arraiá do Aconchego terá também esquema de segurança privada e das forças policiais, com revista manual nos portais de acesso e equipamentos para reconhecimento facial. O evento contará ainda com o apoio de equipes de Saúde e Ação Social.

CASTRO ALVES

A 26ª edição do Arraiá do Poeta, em Castro Alves, acontece entre 21 e 24 de junho com a proposta de transformar a cidade em um reduto da arte e cultura nordestinas e reunir, além dos moradores, visitantes do Recôncavo e municípios mais distantes em busca da alegria e hospitalidade da população.

Considerada patrimônio cultural dos castroalvenses, a festa de São João está sendo planejada pela equipe organizadora com base na experiência adquirida nas edições anteriores. A meta é proporcionar momentos de diversão e entretenimento para toda a família, com música, dança e gastronomia típica. Em paralelo, outro foco é a sustentabilidade, com campanha educativa sobre o descarte correto de resíduos e reaproveitamento de materiais.

Entre os destaques da programação, além de muitos grupos de forró pelas ruas enfeitadas, está o tradicional Casamento Matuto. Encenado por um grupo teatral da cidade, o espetáculo de humor deve atrair o público, assim como as exibições de Cantoria, Pandeiro e Viola, em que repentistas talentosos e criativos disputam o título de melhor da festa.

EUCLIDES DA CUNHA

O tradicional Arraiá do Cumbe vai acontecer entre 21 e 25 de junho, no Forródromo, próximo à rodoviária, com shows a partir de 19h. Euclides da Cunha é um dos cinco destinos mais procurados da Bahia nos festejos juninos, conhecido por ter o melhor São João do Sertão, segundo o secretário municipal de Indústria, Comércio, Turismo, Emprego e Renda, João Neto. A alvorada ‘Acorda, João’, ainda de madrugada, marcará o início oficial dos festejos e será puxada pelo cantor de forró sertanejo Jonas Esticado.

No palco principal, estão confirmadas atrações como Léo Santana, Silvano Salles, Maiara & Maraísa, Joelma (ex-Calypso), Danniel Vieira, Kart Love e Alcymar Monteiro, dentre muitos outros.

A novidade deste ano é a criação de um espaço alternativo chamado de Pedro Sertanejo para contemplar as pessoas que querem ir à festa com as famílias à tarde para curtir um forró ‘raiz’. Serão cinco dias com homenagens a sertanejos da região, apresentação de sanfoneiros, bandas de pífano, trios nordestinos, samba de zabumba, quadrilhas juninas, teatro e exposição de artesanato.

ITABERABA

A edição 2024 do Arraiá de Ita vai esquentar a Praça Josenildo Miguel de Brito na cidade chamada de ‘Portal da Chapada’ entre 13 e 16 de junho. Mais conhecido como Praça dos Coqueiros, o espaço será transformado em uma grande festa, na qual, além de atrações nacionais e estaduais, moradores e visitantes vão encontrar as guloseimas da época, que têm o milho, o amendoim e a mandioca como principais matérias-primas, bem como licores itaberabenses.

A movimentação na cidade para a temporada já começou, e hoje, às 19h, será feita a escolha do Rei e Rainha dos festejos juninos na Praça do Rosário. Reconhecido pela beleza e originalidade, o Festival de Quadrilhas já é tradicional e ocorrerá no último dia do Arraiá de Ita, na Praça dos Coqueiros, às 17h.

No município, situado a 270 km de Salvador, os festejos têm por característica as reuniões particulares com casas enfeitadas e fogueiras, notadamente na zona rural, congregando familiares e amigos. No âmbito religioso, São João Batista tem rezas e missas, com festa no espaço cultural da paróquia Nossa Senhora do Rosário, no início de julho.

ITABUNA

O 3º Ita Pedro vai agitar a cidade entre 27 e 30 de junho na Arena Zé Cachoeira, no bairro Banco Raso, atraindo itabunenses e foliões juninos visitantes. Anunciada como o ‘Maior São Pedro do Brasil’, a festa reuniu, em 2023, mais de 120 mil pessoas por noite, com expectativa de superar a marca este ano.

Já nos finais de semana que antecedem o São Pedro, a festança no município começa com eventos nos bairros. A organização é coordenada pela Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (Ficc) e tem como foco principal proporcionar momentos de diversão e interação social, aumentar a atuação de artistas regionais e fomentar os setores de serviços e comércio no município.

Com o tema ‘É tão bom se apaixonar’, brincadeiras típicas, quadrilhas juninas e gastronomia especial da época, a edição do Ita Pedro 2024 fará homenagem ao vocalista da Banda Lordão, Clóvis Leite (em memória). Conhecido como Kokó, ele deixou um legado musical para Itabuna na sua trajetória de vida e será lembrado como músico e cidadão, sempre alegre nos festejos locais.

LAURO DE FREITAS

O Arraiá de Ipitanga promete esquentar a Arena Domingos Balaeiro e a economia, com geração de emprego e renda. A expectativa é colocar em circulação mais de R$ 10 milhões e reunir ao menos 25 mil pessoas nos momentos de pico. A valorização dos artistas e das manifestações culturais locais é uma das características dos festejos.

Entre os grupos mais antigos estão Arrasta Jegue, Cangaceiros de Ipitanga e Chapéu e Gravata. Estes e outros desfilam com fantasias e trazem temáticas novas todos os anos, com pitadas de irreverência e mensagens de conscientização. Exemplo disso foi o tema da Cangaceiros de Ipitanga em 2023: ‘Oxente, cabra, respeita as Marias. Não é não!’.

Já o Chapéu e Gravata mantém uma tradição de mais de 60 anos. O grupo para em frente a uma casas e pergunta se São João está lá. Quando os donos dizem que sim, os foliões juninos entram e degustam comidas e bebidas típicas.

Para completar, a III edição do Forró no Parque está de volta a Lauro nos dias 1º, 2, 8 e 9 de junho, a partir das 14h, na Concha Verde do Parque Ecológico.

LUÍS EDUARDO MAGALHÃES

Entre 28 de junho e 2 de julho, a terceira edição do Arraiá de LEM tem a expectativa de ultrapassar o público de 100 mil visitantes de 2023. Embora nas edições anteriores os festejos tenham ocorrido no período de São João, este ano foi preciso alterar para a última semana de junho, em função da mudança de data da feira agropecuária Bahia Farm Show.

Na programação, além do tradicional concurso de quadrilhas juninas, com grupos do Oeste do estado, há atrações de renome nacional e regional. Com uma grade repleta de músicos de Luís Eduardo Magalhães, para valorizar também os artistas locais, o forró vai tomar conta do Arraiá, que será montado na praça de eventos do bairro Santa Cruz, em uma área de 40 mil metros quadrados.

A um mês da festa, o comércio em geral e os setores de alimentação e hospedagem já sentem o movimento crescer com a chegada da 18° edição da feira, entre 11 e 15 de junho. A partir do dia 10, as reservas chegam a 100%, com procura crescente também para o São João. Os dois eventos alavancam a geração de postos temporários e aquecem a economia.

MUCUGÊ

Se você está à procura de uma festa de São João tradicional, com fogueiras, decoração de chitas nas janelas, quadrilhas, sanfoneiros, alvoradas, brincadeiras típicas, como o pau de fita, e exclusivamente o genuíno forró ‘raiz’, pé de serra, não pode perder a programação de Mucugê, que se inicia no próximo dia 25 de maio, com a subida do mastro de São João, padroeiro da cidade.

A secretária municipal de Turismo, Fabiana Profeta, conta que a cidade é considerada detentora do mais tradicional São João porque preserva a alma da pessoa sertaneja. "Fazemos aqui uma festa junina autêntica e mágica, e só contratamos atrações representantes do verdadeiro forró no estilo pé de serra. Mucugê mantém viva as tradições", ressalta.

A secretária explica que, para os mais velhos que tiveram oportunidade de conhecer uma festa tradicional de São João, com fogueiras e muitas brincadeiras originais, a experiência em Mucugê é reviver esses momentos. Para os mais novos, é conhecer o que é uma festa junina tradicional, diferente das atuais, com todos os estilos musicais, menos forró.

PORTO SEGURO

A Passarela da Cultura, um dos locais mais emblemáticos de Porto Seguro, será o ponto principal da cidade entre 21 e 24 de junho, celebrando São João, e dia 29, em homenagem a São Pedro. Também os distritos de Arraial d’Ajuda, Trancoso, Caraíva, Vera Cruz e Pindorama, além das áreas rurais, terão festejos para descentralizar a programação.

Situado na Zona Turística Costa do Descobrimento, a 710 km de Salvador, com voos diários para diferentes destinos, o município fomenta costumes populares como as quadrilhas juninas e a oferta de comidas e bebidas típicas. A festa gera vagas de trabalho para diversos setores e aquece as vendas em geral, também com a participação maciça de turistas que escolhem passar esses dias na cidade.

Além das atrações nacionais do forró tradicional e sertanejo, a coordenação das celebrações juninas em Porto Seguro está valorizando os artistas regionais, como Edinho Caraíva e Gero Lima, dentre outros, para apresentações ao ritmo do forró pé de serra. A proposta é criar ambientes seguros e favoráveis ao lazer de moradores e visitantes.

SANTO ESTÊVÃO

A 29ª edição do Forró da Modesto Gusmão, dia 1º de junho, abre o calendário em Santo Estêvão. A programação prossegue no Circuito dos Festejos Juninos (Praça Sete de Setembro) com a quermesse, que culmina no dia 13 com brincadeiras como quebra-pote, corrida de saco, dança da fita, cordel e apresentação musical com Trio de Forró. A expectativa é que mais de 200 mil pessoas participem da festa.

Parte da Zona Turística Caminhos do Sertão, a 156 km de Salvador, o município inicia no dia 16 de junho o Concurso de Quadrilhas Juninas, que deve reunir grupos dos Territórios de Identidade Portal do Sertão, Recôncavo, Metropolitano de Salvador e Piemonte do Paraguaçu. A competição é um dos atrativos da festa e promove o congraçamento entre os grupos.

De 20 a 24 de junho, shows de artistas de renome nacional e atrações regionais movimentam o circuito, bem como bairros e comunidades rurais, com envolvimento de 369 profissionais de segurança, trânsito, saúde e salvamento. Um dos diferenciais da cidade é o desfile do bloco As Caipirinhas, dia 23, e o Cortejo do Bumba Meu Boi, dia 24.

SENHOR DO BONFIM

Senhor do Bonfim, que se intitula a ‘Capital Baiana do Forró’, realiza festejos juninos que estão entre os mais procurados do estado. A programação inclui shows de 19 a 24 de junho, à noite, com atrações regionais e bonfinenses, no Parque da Cidade Espaço Gonzagão, o principal e mais frequentado pelos turistas.

Para atender à demanda por forró pé de serra, os festejos acontecerão na Praça Nova – Circuito Assis do Acordeon – durante o dia. Em 2024, a novidade será ‘a maior sanfona do mundo’, um grande monumento inaugurado no último domingo na entrada da cidade, que vai inspirar as pessoas a aproveitar a época mais esperada do ano.

Será uma mistura de todos os gêneros do forró. Dentre as atrações principais estão Pablo, Xand Avião, Wesley Safadão, Limão com Mel, Flávio José e Adelmário Coelho. Todos os dias haverá uma atração bonfinense abrindo os shows nos dois circuitos. Na Praça Nova, os festejos juninos começarão no dia 22, tendo o Trio Granah como atração. No dia 23, haverá Sandrinho do Acordeon, Paloma Nunes e Dorgival Dantas e no dia 24, Limão com Mel e Assisão.

VITÓRIA DA CONQUISTA

No alto do Planalto de Conquista, a festança este ano tem mais de 50 atrações musicais. Tudo começa no dia 10 e prossegue até 29 de junho, na Praça Nove de Novembro, abrangendo os três famosos santos do mês. Já no Centro Cultural Glauber Rocha, a celebração será de 18 a 22 de junho. Os eventos acontecem também nos povoados e distritos, onde a agitação será nos dias 23 e 24 de junho, visando contemplar os moradores da zona rural.

Com ícones da música, além de grupos regionais e locais, selecionados através de edital público, a programação vai contemplar diversos estilos para diferentes gostos. Além dos conquistenses, moradores de outras cidades têm tradição de curtir o Arraiá da Conquista.

No entanto, a festa tem importância que supera o entretenimento e é considerada por diferentes setores do comércio e de serviços como relevante geradora de empregos e renda. Segmentos de alimentos, bebidas e vestuário são atingidos diretamente. Na cidade, os ensaios dos quadrilheiros antecipa o clima e vai marcando o ritmo desta época do ano.

Assuntos relacionados

Bahia cultura regional eventos Festas juninas São João

Compartilhe essa notícia com seus amigos

Compartilhar no Email Compartilhar no X Compartilhar no Facebook Compartilhar no Whatsapp

Tags:

Bahia cultura regional eventos Festas juninas São João

Cidadão Repórter

Contribua para o portal com vídeos, áudios e textos sobre o que está acontecendo em seu bairro

ACESSAR

Assuntos relacionados

Bahia cultura regional eventos Festas juninas São João

Publicações Relacionadas

A tarde play
Em Amargosa, a festa principal vai agitar a cidade e arredores entre os dias 19 e 24 de junho
Play

Irmãos, cunhada e primos de Zito Barbosa são secretários em Barreiras

Em Amargosa, a festa principal vai agitar a cidade e arredores entre os dias 19 e 24 de junho
Play

Prefeitura de Ipirá mantém ônibus escolar sucateado após denúncias

Em Amargosa, a festa principal vai agitar a cidade e arredores entre os dias 19 e 24 de junho
Play

Prefeito 'vira' whisky no palco e transmissão sai do ar; vídeo

Em Amargosa, a festa principal vai agitar a cidade e arredores entre os dias 19 e 24 de junho
Play

Motoristas na Rodoviária se revoltam com Transalvador: "Indignada"

x

Assine nossa newsletter e receba conteúdos especiais sobre a Bahia

Selecione abaixo temas de sua preferência e receba notificações personalizadas

BAHIA BBB 2024 CULTURA ECONOMIA ENTRETENIMENTO ESPORTES MUNICÍPIOS MÚSICA POLÍTICA