Comunicador Ubiratã Cardoso morre aos 66 anos em Brumado vítima da Covid-19

Publicado sexta-feira, 19 de março de 2021 às 07:40 h | Atualizado em 19/03/2021, 07:58 | Autor: Da Redação

O comunicador Ubiratã da Silva Cardoso, 66 anos, morre vítima da Covid-19, no município de Brumado, no Sudoeste baiano. O óbito foi confirmado às 14h40, após ele ter tido uma parada cardíaca.

Ubiratã testou positivo para o Coronavírus no último dia 10 de março e deu entrada no Centro de Atendimento Covid-19, no último sábado (13). Ele chegou a ficar com 50% de seu pulmão comprometido e precisou ser transferido para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), em Vitória da Conquista.

Segundo a família, o comunicador estava com uma infecção pulmonar antes de testar positivo para o Coronavírus. Na quarta-feira (17), os seus rins pararam de funcionar.

Há cinco anos, Ubiratã perdeu a voz após ter um câncer na garganta. Bira, como era conhecido, deixa quatro filhos. (Com informações do Achei Sudoeste).

Publicações relacionadas