Projeto de lei propõe que BA-263 seja denominada "Rodovia Deputada Virgínia Hagge"

Publicado quinta-feira, 17 de junho de 2021 às 07:48 h | Atualizado em 17/06/2021, 08:21 | Autor: Da Redação

O deputado estadual Pedro Tavares (DEM) protocolou um projeto de lei  na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) propondo que a BA-263 - estrada que interliga os municípios de Itapetinga, Itambé e Vitória da Conquista - seja denominada “Rodovia Deputada Virgínia Hagge”. A proposição tem o objetivo de homenagear a ex-deputada, falecida há um ano. A proposta deverá ser apreciada no próximo dia 7 de julho...

“Será uma forma de homenagearmos essa grande cidadã baiana pelos serviços prestados e pelo legado de dignidade, lealdade, seriedade e trabalho em favor do nosso Estado. Temos certeza que o líder do governo e o líder da oposição irão dispensar as formalidades para aprovarmos a homenagem à grande amiga Virgínia, que sempre foi muito querida na casa legislativa, sendo conhecida por todos pelas suas convicções políticas e simpatia, o que a tornava uma deputada carismática e sempre atenta as demandas”, justificou o proponente. 

Virgínia Alice Almeida Hagge faleceu aos 56 anos. Pedagoga de formação, ela foi deputada estadual entre os anos de 2007 a 2011. Ainda muito jovem vivenciou a política, tendo como inspiração o seu pai, o ex-deputado Michel Hagge, que também foi prefeito de Itapetinga. No município, Virgínia foi eleita vereadora pelo antigo PMDB, como também ocupou os cargos de secretária de Cultura e chefe de gabinete da prefeitura. O filho de Virgínia, Rodrigo Hagge, segue o seu legado ao exercer o segundo mandato como prefeito da cidade de Itapetinga.

Publicações relacionadas