PT de Brumado vai romper e entregar cargos da administração municipal

Publicado sexta-feira, 10 de setembro de 2021 às 07:35 h | Atualizado em 10/09/2021, 07:53 | Autor: Da Redação

O Partido dos Trabalhadores (PT) de Brumado vai romper politicamente com a administração do prefeito Eduardo Lima Vasconcelos (PSB). A decisão já foi tomada pela comitiva local e aguarda apenas o aval do governador da Bahia, Rui Costa, e do senador Jaques Wagner.

O PT de Brumado entregará cargos no âmbito da administração municipal, incluindo os da Secretaria Municipal de Agricultura. A presidente da Câmara de Vereadores, Verimar Dias da Silva Meira, não fará mais parte da base aliada de Lima. Uma nota pública para anunciar oficialmente a decisão será divulgada ainda nesta sexta-feira (10), de acordo com o partido.

A gota d´água para o rompimento foi a participação do prefeito na manifestação em favor do presidente Bolsonaro, em Brasília. No ato, Eduardo Vasconcelos chegou a segurar uma faixa pedindo a renúncia de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). O gestor municipal declarou que acreditava que seu apoio a Bolsonaro não afetaria a sua relação com Rui Costa. (Informações do Achei Sudoeste).

Publicações relacionadas