Sargento da PM é condenado a 17 anos de prisão em Terra Nova | A TARDE
Atarde > Portal Municípios > Metropolitana

Sargento da PM é condenado a 17 anos de prisão em Terra Nova

Crime teve como agravante motivo fútil e fator que impossibilitou a defesa da vítima

Publicado sexta-feira, 18 de novembro de 2022 às 19:09 h | Autor: Da Redação

O Tribunal do Júri da Comarca de Terra Nova condenou o sargento da Polícia Militar, Alexandrino Borges dos Santos, a 17 anos de prisão pelo homicídio de Francisco Rodrigo Plácido da Costa. Segundo a Justiça, o militar efetuou vários disparos contra a vítima por conta de uma pergunta.

De acordo com a acusação, sustentada pela promotora de Justiça Caroline Stange, o crime, cometido em agosto de 2019, tem agravante de motivo fútil e recurso que dificultou a defesa da vítima. O caso teria ocorrido após Francisco Costa questionar a Alexandrino dos Santos o motivo de ele estar pedindo dinheiro ao dono do bar que frequentavam.

O sargento, então, não teria gostado da pergunta e acabou desferindo vários tiros contra a vítima. Como efeito da condenação, o juiz Marcelo José Lagrota Félix decretou a perda do cargo público do sargento da PM.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS