Servidores paralisam serviços em Lauro de Freitas

Servidores reivindicam aumento nos proventos, defasados desde 2019

Publicado quarta-feira, 13 de julho de 2022 às 10:21 h | Atualizado em 13/07/2022, 10:23 | Autor: Rodrigo Tardio
Servidores reunidos em Assembleia Geral, no Centro Administrativo de Lauro de Freitas (CALF)
Servidores reunidos em Assembleia Geral, no Centro Administrativo de Lauro de Freitas (CALF) -

Servidores públicos da Prefeitura de Lauro de Freitas, Região Metropolitana de Salvador, paralisaram as atividades nesta quarta feira, 13.

A categoria está reunida em Assembleia Geral, no Centro Administrativo de Lauro de Freitas, CALF, onde se manifestam em defesa de "direitos", já que o reajuste geral anual foi sancionado pela prefeita Moema Gramacho (PT), aos servidores da Câmara, mas, de acordo com a categoria, para os demais servidores está "sem andamento e linearidade". Ainda de acordo com a categoria, há mais de 3 anos estão com a remuneração "defasada".

Embora paralisados, os servidores estão  respeitando o contingente mínimo necessário à prestação de serviços essenciais. 

"Contamos com a compreensão e o apoio da população, para a valorização do servidor e a melhoria dos serviços, diz o comunicado enviado ao Portal A TARDE.

A data base dos servidores foi em abril. A perda acumulada de abril de 2019 a abril de 2022 é de19,99%.

Publicações relacionadas