Comunidade rural baiana se une para recuperar nascente de rio

Publicado segunda-feira, 22 de março de 2021 às 09:51 h | Atualizado em 22/03/2021, 09:53 | Autor: Da Redação

Moradores da Prata, na cidade baiana de Entre Rios, vêm resgatando um antigo sonho perdido com o desmatamento ilegal: o de ter a abundância de água que marcou a origem da comunidade, em 1930. O trabalho de regeneração e sensibilização, que envolve de crianças a idosos da Prata, teve início em 2014 e já resultou no plantio de mais de 1.500 mudas nas matas ciliares, além da capacitação à comunidade.

Os primeiros moradores cultivavam arroz devido à riqueza hídrica”, diz Maria José Almeida de Jesus, 45 anos, bióloga e presidente da associação de moradores da localidade. Que completa: “A gente vem lutando para resgatar nossa nascente e, com o tempo, essa riqueza hídrica".

Ela acrescenta ainda que o poço é dividido com uma comunidade vizinha e que, em período de escassez hídrica, os moradores recorrem aos pontos de água resultantes do trabalho da recuperação da nascente, como o existente próximo à sua casa. O projeto de recuperação realizado pelos moradores tem apoio da Bracell.

Publicações relacionadas