Novo decreto causa cancelamento de shows em Salvador

Confira quais foram os shows alterados

Publicado segunda-feira, 10 de janeiro de 2022 às 16:45 h | Atualizado em 10/01/2022, 18:57 | Autor: Da Redação

O novo decreto do Governo do Estado, que reduz o público dos shows para até 3 mil pessoas, causou o cancelamento e o adiamento de alguns eventos marcados para o mês de janeiro, em Salvador. Antes da medida, o limite de pessoas era de até cinco mil pessoas.

Nesta segunda-feira, 10, a produção do “Bonfim de Tarde'' comunicou o cancelamento do evento, que aconteceria na quinta-feira, 13, na Bahia Marina, e teria shows com Bell Marques e Harmonia do Samba. 

Nas redes sociais, muitas pessoas que haviam comprado o ingresso ficaram confusas com o cancelamento e alegaram dificuldade de comunicação com os canais oficiais da festa.

Conforme a organização, para receber de volta o valor do ingresso, o cliente deverá entrar em contato com a plataforma/ponto de vendas específico no qual a compra foi realizada (Central do Carnaval, TicketMaker, Pida ou Balcão de Ingressos).

Já o “Circuito Verão 22” adiou as suas próximas edições, que trariam os shows de Baiana System, Pitty e Larissa Luz, neste sábado, 15, e Titãs e Jota Quest, no dia 22. A organização do evento, que iria ocorrer no Centro de Convenções, disse que novas datas serão anunciadas em breve. Ainda não foi divulgado como será o ressarcimento do valor do ingresso.

Também devido ao decreto, foi anunciado nesta segunda, o cancelamento das duas próximas edições do “Baile da Santinha In the Park”, que aconteceriam nas sextas, dia 14 e 21 de janeiro, no Parque de Exposições, com Léo Santana e convidados. De acordo com a Salvador Produções, organizadora do show, os clientes que adquiriram passaporte ou ingresso para o Baile do dia 14 deverão solicitar o reembolso conforme a política de compra no local ou plataforma de compra: Loja Bora Tickets, loja do Pida e Sympla. 

A Salvador Produções informou ainda que realizará nesta sexta, dia 14, às 20h, um novo evento no Wet'n Wild, com formato diferenciado para 3 mil pessoas seguindo orientações do decreto: o “Ensaios de Verão”, com shows de Léo Santana, João Gomes e Tayrone. As vendas para este evento começam nesta terça, 11. Mais informações serão disponibilizadas nas redes sociais da empresa.

O novo decreto de redução do público dos shows vale até o dia 14 de janeiro. Além da diminuição, os eventos agora devem obedecer à regra de lotação máxima de 50% da capacidade de cada local. Segundo o governador Rui Costa, a medida foi tomada para evitar um colapso no sistema de saúde devido a alta de casos de Covid-19 e o surto de gripe.

Antes da medida, a quantidade de infectados pelo coronavírus ou influenza já vinha provocando o cancelamento de shows na Bahia. Recentemente, o "Bonfim Baluarte", que aconteceria na tarde da quinta-feira,13, na Chácara Baluarte, com Jau e É O Tchan, foi cancelado por este motivo. A organização disse que os clientes serão reembolsados pelo canal de compras.

Outro evento adiado foi o "Axézim", marcado para ocorrer no sábado, 15, no Santo Antônio Além do Carmo, com shows de Alexandre Peixe, Dj Papau e Fanfarra do Gravata Doida. A produção ainda não divulgou uma nova data ou informações sobre reembolso.

Shows mantidos

Apesar da restrição de público e do avanço das doenças, algumas produtoras mantiveram seus eventos. Um deles é o “Abençoado”, festa que celebra a Lavagem do Bonfim no Restaurante Amado.

O evento, animado por Cheiro de Amor, Negra Cor e Batifun, acontece na quinta-feira, 13, a partir das 14h, e oferecerá serviço all Inclusive, com Buffet de Feijoada e Open Bar de cerveja, água e refrigerante. Os ingressos estão à venda no Sympla, Partik e Ticketmaker e custam R$ 150 no 1° Lote.

O ingresso do público está condicionado à apresentação do comprovante de esquema vacinal completo – duas doses ou dose única da vacina do Covid-19 - e máscara de proteção facial.

Publicações relacionadas