Quase 270 documentos perdidos foram regatados; confira balanço | A TARDE
Atarde > Verão

Quase 270 documentos perdidos foram regatados; confira balanço

O número representou um crescimento de mais de 300% em relação à segunda noite do festival (46).

Publicado domingo, 31 de dezembro de 2023 às 12:40 h | Autor: Da Redação
A devolução é realizada na base da GCM situada na própria Arena Daniela Mercury, na Boca do Rio, até esta segunda-feira, 1º
A devolução é realizada na base da GCM situada na própria Arena Daniela Mercury, na Boca do Rio, até esta segunda-feira, 1º -

Na terceira noite do Festival Virada Salvador, neste sábado, 30, 188 documentos foram resgatados pela Guarda Civil Municipal (GCM), chegando ao montante de 269 itens encontrados e catalogados por equipes da Coordenadoria de Ações de Prevenção à Violência (Cprev). O número representou um crescimento de mais de 300% em relação à segunda noite do festival (46).

A devolução é realizada na base da GCM situada na própria Arena Daniela Mercury, na Boca do Rio, até esta segunda-feira (1º). Após este prazo, a entrega ocorre na sede da corporação, na Avenida San Martin.

Ainda durante o evento, a equipe de Prevenção à Violência já contabilizou a identificação de 1.763 crianças, o que demonstra a grande participação de famílias.

De acordo com dados do Núcleo de Estatísticas da GCM, no terceiro dia de evento foram realizados 194 patrulhamentos preventivos, 113 abordagem preventivas e 51 apoios a diversos órgãos. Foram contabilizadas 16 ocorrências, lideradas por quatro registros de furto, seguido de três registros de brigas e duas agressões físicas.

Trânsito – A terceira noite do Festival Virada Salvador 2024 manteve-se sem registros de acidentes de trânsito no entorno da Arena Daniela Mercury, na Boca do Rio. Dois veículos foram removidos ao pátio da autarquia por estarem impactando na fluidez e na segurança da via. Os estacionamentos Zona Azul no entorno da festa tiveram 158 vagas ocupadas.

Durante todo evento o trânsito teve boa fluidez, apresentando pontuais retenções devido à chegada do público à arena. Das 16h de sábado (30) até as 4h deste domingo (31), 16.044 veículos passaram pela Av. Octávio Mangabeira, em frente ao Centro de Convenções Salvador, no sentido Pituba, e 6.667 veículos circularam no mesmo trecho no sentido Itapuã.

Na Operação Respeite a Vida, de combate à alcoolemia ao volante, 117 condutores foram abordados na terceira noite do festival. Destes, 17 se recusaram a fazer o teste e foram notificados. Seis veículos precisaram ser removidos ao pátio.

Ao longo do perímetro do evento, cerca de 40 agentes da Superintendência de Trânsito do Salvador (Transalvador) estão em 14 pontos fixos atuando na operação especial montada pelo órgão municipal de trânsito.

Saúde

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) contabiliza 279 atendimentos e procedimentos realizados nos três dias de festa na Arena Daniela Mercury. No terceiro dia do evento, foram registradas 115 ocorrências nos dois módulos assistenciais. Do total, 81% foram clínicos, ou seja, sem gravidade (94 casos contabilizados); 11 pessoas (9,6%) necessitaram de procedimento cirúrgico, sete tiveram atendimentos relacionados à ortopedia e realizados três acolhimentos de enfermagem.

Quatro pessoas necessitaram ser deslocadas para unidades de saúde, sendo um caso grave, resultando em intubação e transferência do paciente para o Hospital Municipal de Salvador (HMS), na Boca da Mata. Vinte e seis pessoas foram atendidas pelo serviço social nos módulos de saúde, o que inclui pacientes, familiares e/ou responsáveis.

Mulher, criança e adolescente – O Centro de Acolhimento, Aprendizagem e Convivência (Caac) montado pela Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ) acolheu 105 crianças na terceira noite de Virada Salvador, sendo 48 meninas e 57 meninos. Do total, 26 são da faixa etária de 0 a 3 anos, 35 crianças de 4 a 6 anos, 35 crianças de 7 a 11 anos e nove adolescentes de 12 a 17 anos.

Já o Centro de Referência de Atenção à Mulher (Cram) realizou 81 atendimentos psicossociais e jurídicos. Foram registrados 48 casos de importunação sexual e um caso de agressão física. Foram computadas, ainda, 218 buscas por informações.

Mobilidade

A Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob) informa que aproximadamente 62 mil pessoas utilizaram o transporte público disponibilizado para a festa, no terceiro dia de festival. Além da frota regular, mais 49 ônibus reguladores deram apoio à operação.

Aproximadamente 250 táxis e 70 mototáxis transportaram uma média de 3 mil pessoas presentes no Festival. Foi realizada ainda blitz de combate ao transporte clandestino de passageiros na região do Festival, com abordagem de sete veículos. Não foram constatadas irregularidades.

Comércio, poluição sonora e publicidade

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur) realizou 257 vistorias em estabelecimentos comerciais, com 239 orientações, seis notificações, um embargo e uma interdição de atividade de estacionamento irregular em posto de combustível. Além disso, foram efetuadas uma apreensão e 23 remoções de publicidade irregular e uma apreensão de fios de cobre. O órgão registrou 57 denúncias de poluição sonora e realizou 45 vistorias e 51 ações de monitoramento de som.

Ouvidoria 

A Ouvidoria Geral do Município (OGMS) contabilizou, no terceiro dia do Festival Virada Salvador, 303 registros, entre o atendimento da equipe volante na Arena e a Central 156. A maioria dos registros foi referente a informações sobre atrações e serviços da festa, elogio pelo horário da programação, solicitações de serviços municipais e sugestões de melhorias para o evento.

O posto de atendimento da Ouvidoria na Arena Daniela Mercury está localizado ao lado do Palco Brisa, com equipe volante por todo o local, além da Central 156 operando 24h.

Iluminação

Na terceira noite do Festival da Virada 2023 não foram registrados apagões, riscos de acidentes e avarias em postes. As equipes da Diretoria de Serviços de Iluminação (Dsip), vinculada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), registraram uma ocorrência envolvendo manutenção. O serviço foi executado imediatamente com o reparo de dois projetores apagados na área externa da festa.

Assistência social

Dentro da operação especial de combate ao trabalho infantil Criança Não é Mão de Obra, realizada pela Secretaria Municipal de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre), foram realizadas 501 abordagens no terceiro dia de festa, com 29 cadastros realizados, identificados 18 casos de vulnerabilidade, nove crianças e adolescentes flagrados em situação de trabalho infantil, cinco encaminhamentos realizados para o Caac e outros 38 para serviços da Sempre.

A equipe do Serviço Especializado em Abordagem Social realizou 158 abordagens de pessoas em situação de risco social, com 17 cadastros efetuados, 22 encaminhamentos diversos e 15 acolhimentos. Já o Mirante Acessível na Arena Daniela Mercury recebeu 62 pessoas com deficiência e 32 acompanhantes.

Manutenção

A Secretaria Municipal de Manutenção da Cidade (Seman) realizou 15 ações na Arena Daniela Mercury, entre as 7h de sábado (30) e as 6h deste domingo (31). Dentre elas estiveram a limpeza e desobstrução de calhas e redes de drenagem, aplicação de asfalto a frio, remoção de piquetes e telhas metálicas soltas e manutenção de gradil.

Tecnologia

Até a noite deste sábado (30), ao todo, a rede Conecta Salvador, disponibilizada pela Secretaria Municipal de Inovação e Tecnologia (Semit), registrou o tráfego de 748,76 Gigabytes de dados. Os aplicativos mais acessados foram Facebook, Instagram e WhatsApp.

Outra ferramenta de tecnologia disponibilizada pela Semit/Cogel é o WhatsApp da Prefeitura (71 98791-3420), com a Inteligência Artificial fornecendo todas as informações relativas ao Festival Virada Salvador. Até sábado, foram trocadas 96.745 mensagens, com 750 sessões de conversas abertas e uma média de 550 usuários.

Comércio ambulante

A Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) realizou abordagens na terceira noite do evento, com objetivo de manter a organização dos ambulantes licenciados, dentro da Arena Daniela Mercury. Em operações conjuntas com a Guarda Civil Municipal (GCM), os agentes recolheram 88 itens não autorizados e considerados de risco à segurança. As equipes estão trabalhando em esquema de plantão 24 horas.

Salvamento marítimo

Até as 8h deste domingo (31), a Coordenadoria de Salvamento Marítimo (Salvamar), vinculada à Semop, realizou 209 ações preventivas e uma ocorrência de afogamento. Dezesseis agentes empregados atuam em esquema de plantão 24 horas, na faixa de areia da praia da Boca do Rio, orientando banhistas e realizando ações preventivas para evitar afogamentos.

Publicações relacionadas