Will Smith e Chris Rock já fizeram as pazes, diz rapper

“É tudo amor. Eles são irmãos”, afirmou rapper e CEO da Bad Boy Records, Sean “Diddy” Combs

Publicado segunda-feira, 28 de março de 2022 às 19:16 h | Atualizado em 28/03/2022, 19:16 | Autor: Da Redação
Até o momento, nenhum dos artistas se pronunciou publicamente
Até o momento, nenhum dos artistas se pronunciou publicamente -

O rapper e CEO da Bad Boy Records, Sean “Diddy” Combs, afirmou que Will Smith e Chris Rock resolveram o desentendimento do Oscar logo após o término do evento, no domingo, 27. Segundo o empresário, que também presenciou a briga ao vivo, o conflito, no qual Smith agrediu Rock com um tapa após uma piada do comediante sobre sua esposa, ficou no passado.

“Isso não é um problema. Acabou. Posso confirmar isso”, disse ele em entrevista ao Page Six na festa da premiação organizada pela Vanity Fair. “É tudo amor. Eles são irmãos”, reafirmou Diddy.

Até o momento, nenhum dos dois artistas se pronunciou publicamente. No entanto, horas antes da festa da Vanity Fair, na qual a família Smith estava, uma fonte exclusiva compartilhou ao Page Six que a dupla havia combinado de resolver os problemas após a premiação.

A agressão aconteceu durante a cerimônia de entrega do Oscar 2022. Rock apresentava o prêmio de melhor documentário e fez uma piada sobre a cabeça raspada de Jada Pinkett Smith, mulher de Will Smith. A atriz havia raspado a cabeça por causa de alopecia, uma condição que provoca queda de cabelo.

Will, que concorria à categoria de melhor ator e levou a premiação por "King Richard: criando campeãs", subiu ao palco após a fala e agrediu o apresentador. Depois do ato, ele disparou frases como "Não fale nada sobre minha mulher" e "Tire o nome da minha mulher da sua boca".

“Abalado e confuso"

No entanto, um amigo relatou à publicação que o comediante teria ficado "abalado e confuso" com a agressão sofrida e que não teria tido mais nenhum contato com Will Smith após o episódio. Segundo o site "TMZ", Chris Rock não sabia a condição de Jada. 

O amigo declarou ainda que o artista não tem maldade no coração. Chris Rock não ficou para assistir à cerimônia do Oscar depois da sua apresentação, mas de acordo com o "TMZ", a saída não tem relação com a agressão sofrida. 

Chris Rock não quis prestar ocorrência junto a polícia de Los Angeles. Segundo o TMZ, policiais que estavam presentes no Dolby Theater durante a cerimônia chegaram a abordar a equipe do artista depois da agressão, mas, diante da negativa de queixa por parte dele, não levaram o caso adiante. 

A atriz e esposa de Will Smith, Jada Smith, tem alopecia, uma condição que causa queda capilar. Ela revelou o problema em 2018, quando ainda não tinha raspado os cabelos e escondia as falhas no couro cabeludo com turbantes e lenços.

"Foi aterrorizante no começo. Eu estava no banho e via todos aqueles fios de cabelo nas minhas mãos. Eu tremia de medo", disse Jada Pinkett Smith na época.

Em julho do ano passado, ela decidiu raspar todo o cabelo e contou com a ajuda da filha, Willow, no processo. Logo depois, Willow também raspou os cabelos durante uma performance ao vivo de sua música "Whip My Hair".

Consequências

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas iniciou nesta segunda-feira, 28, uma revisão formal do incidente ocorrido durante a cerimônia de premiação do Oscar, na qual o ator Will Smith deu um tapa no comediante Chris Rock no Teatro Dolby, em Los Angeles.

"A Academia condena as ações do Sr. Smith no evento de ontem à noite", declarou a entidade em um comunicado enviado à AFP. "Iniciamos oficialmente uma revisão formal do incidente e estudaremos outras ações e consequências de acordo com nossos estatutos de conduta e a lei da Califórnia.

O THR afirmou que os conselheiros da alta cúpula da instituição estarão com o presidente David Rubin e o CEO Dawn Hudson para fazer uma revisão completa do caso e determinar se haverá sanções para o ator.

A suspensão de sua participação na Academia tem sido pedida por muitos conselheiros, no entanto, a revogação de seu Oscar de melhor ator por "King Richard - Criando Campeãs" estaria descartada.

Publicações relacionadas