Jojo diz ter sido vítima de racismo em blitz: 'Posso ter um blindado' | A TARDE
Atarde > A TARDE + > Entretenimento

Jojo diz ter sido vítima de racismo em blitz: 'Posso ter um blindado'

Empresária e cantora contou que foi tratada com arrogância por agente

Publicado sábado, 17 de junho de 2023 às 15:58 h | Autor: Da Redação
Jojo contou que listou todos os documentos solicitados, mas ainda foi tratada com arrogância
Jojo contou que listou todos os documentos solicitados, mas ainda foi tratada com arrogância -

Jojo Todynho falou sobre ter sofrido racismo durante uma blitz quando voltava da academia, no Rio de Janeiro. A declaração foi dada em entrevista ao podcast Pod Fazer Mais. Na abordagem policial, Jojo contou que listou todos os documentos solicitados, mas ainda foi tratada com arrogância. 

"Olha o que aconteceu: blitz. Falei: 'tudo certo, está tudo bem, habilitação, documento do carro, vistoria'. [...] O cara numa arrogância e eu estava de boas", revelou.

Jojo ainda afirmou que, mesmo com a entrega dos documentos, o agente parecia insatisfeito e perguntou se ela podia andar de carro blindado. Ela ainda relembrou que tentou manter a calma para responder da forma ideal. 

"Pensei: 'tenho que falar de uma forma que não possa ser presa' e falei de uma forma bem arrogante: 'eu posso ter um blindado, quem não pode é você, que é assalariado'", disse.

Ao relembrar a situação, Jojo afirmou que ter uma boa condição financeira não impede o racismo. "Depois, a gente é chamada de arrogante. Ele não tem que questionar se estou andando de carro blindado. O fato de a gente ser preta e ter uma condição não isenta a gente de sofrer racismo e qualquer outro preconceito, porque as pessoas são ruins. Mas você, toda vez que tiver um ato racista, pense duas vezes em fazer comigo. Porque, meu amor, você vai odiar conhecer a nova versão da doutora Toddy", declarou.

Publicações relacionadas