Líder de facção que se escondia na Bolívia é preso; saiba quem é | A TARDE
Atarde > Bahia > Salvador

Líder de facção que se escondia na Bolívia é preso; saiba quem é

Ele é apontado como responsável por fazer conexões entre traficantes de Salvador e Rio de Janeiro

Publicado domingo, 12 de novembro de 2023 às 08:46 h | Atualizado em 12/11/2023, 10:21 | Autor: Leo Moreira
Homem é apontado como uma das principais lideranças do tráfico de drogas de Salvador
Homem é apontado como uma das principais lideranças do tráfico de drogas de Salvador -

Uma das maiores lideranças do tráfico de drogas de Salvador foi presa no sábado, 11, em Pernambuco. Segundo as informações da Secretaria de Segurança Pública, ele se escondia na Bolívia e mantinha conexões com traficantes do Rio de Janeiro. Ele foi localizado durante uma ação conjunta do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil da Bahia e das Forças Integradas de Combate ao Crime Organizado (FICCOs) da BA e de Pernambuco.

Leia mais:

>> Facções do Rio-SP disputam terreno na Bahia e formam alianças; entenda

>> Exército encontra mais duas metralhadoras furtadas em quartel

De acordo com apurações do Portal A TARDE, o suspeito, identificado como José Henrique de Souza Conceição, mais conhecido como ‘Papa’, era um dos principais 'cabeças' da facção criminosa Comando Vermelho e mantinha atuação mais intensa no Complexo do Nordeste de Amaralina, região 'dominada' pelo grupo.

Apesar de ficar boa parte do tempo no país vizinho, ele costumava retornar ao Brasil para coordenar distribuição de drogas e armas, além de determinar ataques contra grupos rivais. E foi justamente em uma dessas vindas que ele foi capturado. As forças policiais o localizaram em uma cidade de Guabiraba, a cerca de 20 quilômetros de Recife.  

Lá, o suspeito até tentava manter uma rotina sem ostentar armas ou evitava agir de alguma forma que chamasse atenção, mesmo assim, ações de inteligência levaram as equipes até o endereço usado pelo traficante. Não foram revelados detalhes de como as investigações se deram.

Conforme a SSP, Papa tinha mandado de prisão por tráfico de drogas e associação criminosa expedido pelo Tribunal de Justiçada Bahia, após solicitação do DHPP, na Operação Murus. A Operação teve apoio do Gaeco do MPE da Bahia.

O traficante foi apresentado na FICCO PE e passará por audiência de custódia.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS