PM suspeito de matar jovem em Ilhéus se apresenta e é liberado | A TARDE
Atarde > bahia > Salvador

PM suspeito de matar jovem em Ilhéus se apresenta e é liberado

Defesa do PM alegou que o disparou que matou jovem em posto de combustível foi acidental

Publicado terça-feira, 16 de janeiro de 2024 às 08:29 h | Atualizado em 16/01/2024, 08:44 | Autor: Da Redação
Fernanda dos Santos, de 23 anos, foi morta
Fernanda dos Santos, de 23 anos, foi morta -

O policial militar João Wagner Madureira, autor das agressões e disparos de arma de fogo que tiraram a vida de Fernanda dos Santos, de 23 anos, na cidade de Ilhéus, no sul da Bahia, se apresentou na delegacia localizada no município. O militar foi ouvido e liberado, pois o prazo para prisão em flagrante encerrou.

De acordo com informações da TV Santa Cruz, o policial alegou disparo acidental. Em nota enviada à imprensa anteriormente, os advogados de Madureira disseram que o homem não conhecia a vítima, que estaria "descontrolada" no momento do confronto.

“O vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento em que João Wagner Madureira aparece com uma arma em punho apontada para o chão. As imagens não divulgadas irão provar que a arma não tinha a intenção de intimidar a vítima, mas sim afastar pessoas alteradas na localidade. Quanto ao disparo ocorrido, esse se deu de forma acidental, quando a vítima e o policial entraram em vias de fato, momento em que a vítima tenta segurar a arma do policial, acabando por acionar a tecla do gatilho de forma involuntária como mostra as imagens divulgadas e que resultou na fatalidade que lamentamos profundamente”, diz trecho da nota da defesa.

Um vídeo que circula nas redes sociais, do sistema de monitoramento e segurança do posto de combustível, mostra o momento das agressões e quando o policial saca a arma e efetua os disparos contra a vítima.

O caso

Fernanda dos Santos Ferreira foi assassinada após ser baleada em um posto de combustível do município de Ilhéus, no sul da Bahia, na madrugada de quinta-feira, 11. O caso aconteceu por volta das 2h30, próximo da Praça Cairú, no centro de Ilhéus.

Em vídeo que circula nas redes sociais, o PM chega ao posto de combustível. Em seguida, desce do veículo e vai em direção a vítima, iniciando uma discussão. Com uma arma de fogo, ele disparou contra Fernanda. Após o crime, ele saiu caminhando, entrou no carro e fugiu.

Fernanda foi socorrida em uma ambulância do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgências) para o Hospital Regional Costa do Cacau, mas não resistiu aos ferimentos.

Publicações relacionadas