Diácono de 66 anos desaparece após sair de casa para pescar em rio | A TARDE
Atarde > Bahia

Diácono de 66 anos desaparece após sair de casa para pescar em rio

O Corpo de Bombeiros realizou buscas, mas ainda não encontrou o pescador

Publicado terça-feira, 04 de junho de 2024 às 21:32 h | Autor: Da Redação
Osvaldo Santos Reis, além de pescador, é diácono da 2ª Igreja Batista de Porto Seguro
Osvaldo Santos Reis, além de pescador, é diácono da 2ª Igreja Batista de Porto Seguro -

Um pescador de 66 anos está desaparecido desde domingo, 2, após sair de casa para pescar no rio Buranhém, em Porto Seguro, no extremo sul do estado.

Osvaldo Santos Reis, além de pescador, é diácono da 2ª Igreja Batista de Porto Seguro. O sumiço do idoso foi notado porque ele estava escalado para fazer a abertura do culto de domingo à noite, mas não apareceu.

Membros da igreja foram procurá-lo e encontraram a motocicleta e o barco de Osvaldo, com todos os pertences dele, na região onde ele havia ido pescar. Eles acreditam que a tarrafa usada por ele, uma espécie de rede em forma circular, prendeu em algum lugar e o pescador pode ter tentado tirar e caído no rio.

O Corpo de Bombeiros realizou buscas na segunda-feira (3), pela manhã e tarde, e também nesta terça, mas não encontrou o pescador.

Por meio de nota, a Marinha do Brasil informou que a Delegacia da Capitania dos Portos, em Porto Seguro (DelPSeguro), acionou o Plano de Auxílio Mútuo, com o objetivo de divulgar o desaparecimento de Osvaldo às colônias de pesca, alertar e solicitar apoio a todas as embarcações que naveguem nas áreas próximas, além de solicitar o apoio de outros órgãos.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS