Mulher trans é agredida com golpes de facão após cobrar programa | A TARDE
Atarde > Bahia

Mulher trans é agredida com golpes de facão após cobrar programa

Crime teria ocorrido após suspeito de negar a pagar pelo serviço oferecido

Publicado segunda-feira, 18 de março de 2024 às 09:16 h | Atualizado em 18/03/2024, 09:35 | Autor: Da Redação
Vítima foi encaminhada ao Hospital Regional de Eunápolis
Vítima foi encaminhada ao Hospital Regional de Eunápolis -

Uma mulher trans foi agredida com golpes de facão por um cliente depois de uma discussão sobre o pagamento de um programa sexual. De acordo com o Radar News, a vítima, de 31 anos, foi encaminhada ao Hospital Regional de Eunápolis na noite de domingo, 17, após ser encontrada na rua.

Ela apresentava ferimentos nas mãos, pernas e cabeça. A equipe médica informou que a vítima precisou passar por um procedimento cirúrgico. Mesmo com a violência, o estado de saúde é considerado estável.

Em depoimento, a vítima informou que não conhece o agressor e que foi convidada por ele para um encontro com a promessa de pagamento com drogas e outros incentivos.

Durante o encontro, ao perceber que o homem se recusava pagar pelo acordado, a mulher trans informou ser portadora do vírus HIV, situação que, segundo ela, provocou a reação do homem. Até o momento, a polícia não conseguiu identificar o responsável pela agressão.

Publicações relacionadas