Suspeito de estuprar e filmar menores de 18 anos é preso em Itinga | A TARDE
Atarde > Bahia

Suspeito de estuprar e filmar menores de 18 anos é preso em Itinga

Apuração do caso começou há cerca de um ano e meio, com o primeiro registro de ocorrência

Publicado quarta-feira, 18 de outubro de 2023 às 07:52 h | Atualizado em 18/10/2023, 08:09 | Autor: Da Redação
Dercca também investiga a possível ocorrência do crime de estupro por meio virtual
Dercca também investiga a possível ocorrência do crime de estupro por meio virtual -

Um homem teve mandado de prisão por estupro cumprido nesta quarta-feira, 18, na cidade de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Ele é suspeito de violentar, filmar e extorquir as suas vítimas, que não tiveram suas idades reveladas, mas eram menores de 18 anos. A prisão foi efetuada pela Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes contra a Criança e o Adolescente (Dercca).

De acordo com a Polícia Civil, a apuração do caso começou há cerca de um ano e meio, com o primeiro registro de ocorrência contra o homem. Posteriormente, houve uma segunda denúncia. Durante o cumprimento da determinação judicial de busca e apreensão, foi constatado que poderia haver outras vítimas.

Titular da Dercca, a delegada Simone Moutinho explicou como o suspeito agia. O indivíduo atraía a confiança das vítimas na internet, às vezes se passando por mulheres ou pessoas da mesma idade. Em seguida, dizia que ia realizar um sorteio de um celular, afirmando em seguida que a menina ganhou o prêmio. Ele, então, pagava o transporte por aplicativo para que ela fosse até o local retirar o celular.

Ao chegar no local, entretanto, ele estuprava a vítima, além de fotografar e filmar a violência. Depois, conforme as investigações, o suspeito ainda fazia extorsão, obrigando essas vítimas a retornar ao local, para novamente serem estupradas.

Além de ter o mandado cumprido por estupro, o homem ainda será autuado em flagrante pelo crime de produzir, reproduzir, dirigir, fotografar, filmar ou registrar, por qualquer meio, cena de sexo explícito ou pornográfica, envolvendo criança ou adolescente. A Dercca também investiga a possível ocorrência do crime de estupro por meio virtual.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS