Anvisa suspende uso de lotes da Coronavac produzidos em fábrica irregular

Publicado sábado, 04 de setembro de 2021 às 16:28 h | Atualizado em 04/09/2021, 17:06 | Autor: Da Redação

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou neste sábado, 04, a suspensão em 90 dias do uso e distribuição de lotes da vacina CoronaVac envasados em fábrica não aprovada.

Ao todo são 25 lotes que contém 12 milhões de doses. Segundo a Anvisa, o Butantan afirmou à agência o recebimento na sexta-feira, 03. Outros 17 lotes, também envasados em local não inspecionado, estão prestes a serem enviados ao Brasil.

“Além disso, serão feitas tratativas junto ao Instituto Butantan para regularização desse novo local na cadeia fabril da vacina junto à Anvisa”, disse a agência em nota. 

Em nota, o Instituto Butantan, que produz as doses no Brasil, afirmou que informou a Anvisa sobre o recebimento das doses e a medida não deveria causar alarmismo.

“Foi o próprio Instituto que, por compromisso com a transparência e por extrema precaução, comunicou o fato à agência, após atestar a qualidade das doses recebidas. Isso garante que os imunizantes são seguros para a população”, disse em nota.

“Nesses termos, a vacina envasada em local não aprovado na Autorização de Uso Emergencial configura-se em produto não regularizado junto à Anvisa”, disse o instituto.

Publicações relacionadas