adblock ativo

Aos gritos, fiéis recebem o papa em Aparecida

Publicado sexta-feira, 11 de maio de 2007 às 19:28 h | Atualizado em 11/05/2007, 19:28 | Autor: Agencia Estado
adblock ativo

Bento XVI pousou na Basílica Nacional de Aparecida por volta das 19 horas, vindo de São Paulo, após ter um encontro na Catedral da Sé com bispos brasileiros. Logo ao desembarcar, o papa recebeu as chaves da cidade do prefeito, José Luiz Rodrigues. Cerca de 3 mil pessoas se aglomeravam ao longo do caminho traçado para a passagem do papa. Ele desceu a colina do morro no papamóvel acenando para o povo, que o saudava gritando e cantando, e dirigiu-se ao Seminário de Bom Jesus, onde passará a noite.

Entre o público que aguardava, uma das mais animadas era a irmã Eulina Maria Oliveira, de 72 anos, que veio de Caratinga, Minas Gerais. Apesar de ter visto João Paulo II por duas vezes, ela se disse ainda muito emocionada com a presença de Bento XVI no Brasil. "É sempre uma emoção ver o papa, ainda mais em Aparecida, que é a casa da nossa Mãe", relatou Eulina. Missionária do Instituto Nossa Senhora das Graças, que atua em orfanatos e asilos mineiros, ela não desanimou com as nove horas de viagem de carro até Aparecida, onde chegou às 14 horas.

Já os chilenos José Luiz e sua filha Carolina perderam-se do grupo de 20 pessoas que integram um grupo folclórico que apresenta a Missa Chilena. Mas isso não era motivo de preocupação. Chegaram sozinhos ao estacionamento da Basílica de Aparecida. "Viemos de muito longe só para ver o papa. Esta é uma emoção muito grande. Gostamos muito de bento XVI", disse Carolina, que também já havia visto o papa João Paulo II quando este foi ao Chile em 1988.

Para os moradores de Aparecida, a recepção ao papa foi muito mais tranqüila e privilegiada do que para os paulistanos. Por causa do tamanho da cidade, a distância era menor para acompanhar as atividades do pontífice. Antenor Zamgrandi, 26 anos, e a noiva Daniele Campos, 28, ainda puderam assistir a um pedaço da novela antes de vir para a chegada do papa. "Da minha casa até aqui, não leva mais do que cinco minutos", disse Zamgrandi. E Daniele mora mais perto ainda. Levou só dois minutos para chegar ao estacionamento da Basílica.

4º dia de visita

Amanhã, quarto dia de visita do papa, a programação começa com uma visita à Fazenda Esperança, localizada a 60 quilômetros de Aparecida. O trajeto será percorrido de carro. Fundado pelo religioso alemão Frei Hanz Stapel, o local é referência mundial em recuperação de dependentes químicos. O papa deverá permanecer entre uma hora e uma hora e meia no centro masculino de Pedrinhas, uma das três unidades da fazenda. A estrada de acesso deverá ficar fechada entre 6 horas e 12h45. No retorno, ele percorrerá ruas do município de Potim. Ele ficará hospedado no Seminário Bom Jesus, que fica a 1 km do Santuário. O quarto de Bento XVI, no primeiro andar, já foi utilizado por João Paulo II em 1980.

adblock ativo

Publicações relacionadas