Governo denuncia fake news sobre encerramento de doações no RS | A TARDE
Atarde > Brasil

Governo denuncia fake news sobre encerramento de doações no RS

Flávio Dino classificou como criminosa a notícia

Publicado segunda-feira, 11 de setembro de 2023 às 11:25 h | Autor: Agência Brasil
Autoridades do governo federal utilizaram as redes sociais para desmentir as falsas informações
Autoridades do governo federal utilizaram as redes sociais para desmentir as falsas informações -

Diversas autoridades do governo federal utilizaram as redes sociais para desmentir as falsas informações (fake news) sobre um suposto encerramento de doações para as vítimas dos temporais que atingiram o Rio Grande do Sul. 

“Alerta de Fake News: É falsa a informação de que doações teriam parado de ser distribuídas em Lajeado (RS) por orientação do Governo Federal. O Governo já destinou R$ 741 milhões para atender as cidades atingidas, e segue dando todo o apoio necessário para os municípios do Rio Grande do Sul”, escrevei a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (Secom), na X (antigo Twitter).

Também pelo X, o caso foi citado pelo ministro da Secom, Paulo Pimenta. “Não vamos tolerar nenhuma Fake News. Tentativa de uso político com disseminação de mentiras deve ser denunciada sempre. Respeitem a tragédia e a dor das famílias!!”, publicou nesta segunda-feira, 11, Paulo Pimenta referindo-se à informação falsa que foi divulgada nos últimos dias. 

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, classificou o caso como “crime” e informou que já está sendo analisado pela Polícia Federal (PF).

“Reitero que fake news é crime, não é 'piada' ou instrumento legítimo de luta política. Esse crime é ainda mais grave quando se refere a uma crise humanitária, pois pode gerar pânico e aumentar o sofrimento das famílias. A Polícia Federal já tem conhecimento dos fatos e adotará as providências previstas em lei”, escreveu o ministro. 

Publicações relacionadas