Ivete lamenta 500 mil motes por Covid-19, mas internautas criticam post

Publicado segunda-feira, 21 de junho de 2021 às 15:14 h | Atualizado em 21/06/2021, 15:28 | Autor: Da Redação

A cantora baiana Ivete Sangalo lamentou neste domingo, 20, a marca de 500 mil mortes por Covid-19 no Brasil, que foi atingida no sábado, 19. Contudo, o post foi criticado por internautas. Na publicação, ela afirmou que os óbitos não possuem relação com partidos políticos. Os seguidores rapidamente afirmaram que a cantora não costuma se posicionar sobre assuntos que possam envolver questões políticas. 

“Não é natural [500 mil mortos]. Não é uma mentira. É estarrecedor pensar sobre as milhares de vidas ceifadas e dores irreparáveis em torno dessas perdas. Não é sobre partidos, é sobre humanidade”, postou Ivete. A legenda logo foi alvo de críticas, no qual internautas disseram que ela teria sido "isentona".


"Acho que a Ivete tem muito a esconder sobre o voto nas últimas eleições. Só pode! Mas que muro alto da porra, mermão. Meio mundo de gente perdendo a vida, e a mulher ainda tá em dúvida se diz ou não #ForaBolsonaroGenocida? 'Silascar'", reclamou um internauta.

"Olhei a foto e me surpreendi:' Ivete se posicionando?' Quando corro pra legenda nada de diferente", alfinetou outro. “Veveta, dizer que não é sobre partido para mais de 32 milhões de pessoas é complicado. É óbvio que é sobre partido também e nós sabemos bem qual. Até quando vamos silenciar?”, pontuou uma seguidora.

Além dos internautas, famosos como Anitta e Felipe Neto rebateram a publicação da cantora. A funkeira disse: "500 mil mortes… é sobre FORA BOLSONARO sim! A favor da democracia, da economia, da saúde, da educação e do senso COLETIVO".

“Desculpa Ivete, sua música continua no meu coração, mas o quanto eu já te amei como ídola, infelizmente foi interrompido pelo seu ‘emcimadomurismo’. Anitta mandou o papo. É sobre política e partidos SIM", pontuou o youtuber.




Publicações relacionadas