“Cowboy Carter”: Conheça funk carioca incluído em álbum de Beyoncé | A TARDE
Atarde > Cultura > Música

“Cowboy Carter”: Conheça funk carioca incluído em álbum de Beyoncé

Sample de “Aquecimento das Danadas” aparece na faixa “Spaghettii”

Publicado sexta-feira, 29 de março de 2024 às 13:14 h | Autor: Da Redação
“Act II: Cowboy Carter” foi lançado nesta sexta-feira, 29
“Act II: Cowboy Carter” foi lançado nesta sexta-feira, 29 -

A cantora Beyoncé lançou o seu novo álbum, o “Act II: Cowboy Carter”, nesta sexta-feira, 29, e entre as 27 faixas que compõem o disco está “Spaghettii”, na qual a norte-americana usou sample de “Aquecimento das Danadas”, sucesso dos bailes em gravação que juntou O Mandrake com DJ Xaropinho.

>>> “Cowboy Carter”: Entenda polêmica que “originou” novo álbum da Beyoncé

Mandrake contou ao g1 que criou o funk há 14 anos, depois de ser desafiado por um MC com quem trabalhava na época. “Um dia, ele me disse que eu nunca faria sucesso sem a voz dele. Eu olhei para ele e falei: é sério que você está me falando isso?”.

O artista disse que, depois da provocação, voltou para casa, entrou na garagem, onde ele tinha um estúdio e “comecei a pensar em algo que eu poderia fazer sem a voz dele, sem voz nenhuma”.

O Mandrake é coautor de “Aquecimento das Danadas”
O Mandrake é coautor de “Aquecimento das Danadas” |  Foto: Reprodução | Instagram @djomandrake

Ainda na entrevista ele revelou que, naquele dia, criou vários “aquecimentos”, que são músicas geralmente tocadas para esquentar um baile funk, no início da festa. Segundo o artista, para chegar ao “Aquecimento das Danadas”, ele usou uma sonoridade clássica do funk carioca na primeira década dos anos 2000, dando a ela cadência e adicionando os chamados cacos, elementos que mudam e enriquecem uma batida.

O coautor da música, o DJ Xaropinho, foi responsável por acelerar o som e popularizar a música em festas da Rocinha e do Morro da Mineira, no Rio.

Ouça “Aquecimento das Danadas”:

Ouça “Spaghettii”:

Mandrake também disse ao g1 que não houve pedido de autorização para que o trecho de sua música aparecesse no novo da Beyoncé. Ele ficou sabendo na quinta-feira, 28, porque o disco vazou na internet antes do lançamento oficial.

“Quando eu liguei o telefone, foi uma loucura. A Beyoncé é uma fada: ela mudou meu telefone. Foi uma mágica”, disse. Mandrake falou ainda que está tentando marcar reuniões com a Sony, que administra a Columbia Records, gravadora da artista americana.

“Act II: Cowboy Carter” está disponível em todas as plataformas de música.

Publicações relacionadas