Filho de Gal Costa vai à Justiça reivindicar herança dada à viúva | A TARDE
Atarde > Cultura

Filho de Gal Costa vai à Justiça reivindicar herança dada à viúva

Gabriel Costa argumenta que Wilma atuava apenas como empresária de Gal e era sua madrinha e não teria direito

Publicado sábado, 17 de fevereiro de 2024 às 10:07 h | Autor: Da Redação
Jovem, que recentemente completou 18 anos, optou por contratar dois advogados para representá-lo
Jovem, que recentemente completou 18 anos, optou por contratar dois advogados para representá-lo -

Gabriel Costa, filho da cantora Gal Costa (1945-2022), entrou na Justiça para buscar seus direitos à herança deixada pela baiana. Ele contesta as alegações de Wilma Petrillo, viúva de Gal, que busca o reconhecimento de uma união estável para também reivindicar parte dos bens.

>>> Justiça nomeia viúva de Gal Costa responsável pela herança da cantora

Gabriel argumenta que Wilma atuava apenas como empresária de Gal e era sua madrinha, portanto, não teria direito à herança. De acordo com informações da Folha de S. Paulo, ele, que recentemente completou 18 anos, optou por contratar dois advogados para representá-lo.

Desde a morte da artista, a guarda temporária de Gabriel ficou sob responsabilidade de Wilma. Em janeiro de 2023, ela entrou com um pedido judicial para ser reconhecida como esposa de Gal, alegando que as duas mantiveram um relacionamento por 24 anos. No processo, solicitou ser a administradora dos bens e ainda pediu a guarda permanente de Gabriel. O processo foi suspenso devido à iminente maioridade de Gabriel.

A Justiça de São Paulo notificou Gabriel Costa em julho de 2023, quando ainda tinha 17 anos, para prestar esclarecimentos sobre a união estável entre Wilma e Gal. Na ocasião, Gabriel foi representado pela Defensoria Pública de São Paulo por ser menor de idade, e se manifestou contra o reconhecimento do relacionamento.

A defesa de Gabriel argumenta que Wilma não apresentou documentação suficiente para comprovar a suposta união estável. Os advogados da viúva entraram com um novo processo, alegando que ela e Gabriel mantinham uma relação harmoniosa, como mãe e filho, desde que ele era criança.

Diante desses acontecimentos, a Justiça solicitou que Gabriel prestasse uma nova declaração, após completar 18 anos, concordando por escrito e com firma reconhecida em cartório, sobre a alegada união estável entre sua mãe e sua "madrinha".

Gal Costa faleceu em novembro de 2022, aos 77 anos. Desde então, amigos, ex-funcionários e fãs se manifestaram contra as ações de Wilma. A viúva sepultou Gal em um local diferente do que a cantora havia solicitado em vida e também enfrentou acusações de assédio moral e fraude durante seu período como empresária de Gal.

Publicações relacionadas