Deputado minimiza apoio de Muniz a Bruno Reis: "nenhuma surpresa" | A TARDE
Atarde > política > Bahia

Deputado minimiza apoio de Muniz a Bruno Reis: "nenhuma surpresa"

Líder da oposição na Alba, Alan Sanches (União Brasil), elogia bom trânsito de Bruno Reis com aliados

Publicado terça-feira, 29 de agosto de 2023 às 17:43 h | Atualizado em 29/08/2023, 19:23 | Autor: Gabriela Araújo E Lucas Franco
Líderes do governo e oposição na Alba, Rosemberg Pinto (PT) e Alan Sanches (UB), respectivamente
Líderes do governo e oposição na Alba, Rosemberg Pinto (PT) e Alan Sanches (UB), respectivamente -

Líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), o deputado estadual Rosemberg Pinto (PT) minimizou o anúncio de apoio do presidente da Câmara Municipal de Salvador (CMS), Carlos Muniz (PSDB), a possível reeleição do prefeito Bruno Reis (União Brasil)

"Pra mim não houve nenhum tipo de surpresa. O vereador presidente Carlos Muniz tomou a decisão, que na minha opinião já era esperado pelos pares dele na Câmara de Vereadores de Salvador. Pelo menos, já se comentava isso nos últimos dias". 

O anúncio de Muniz surge após a antecipação do PT municipal em lançar o nome do deputado estadual Robinson Almeida como pré-candidato à Prefeitura de Salvador em 2024. Durante o anúncio, o chefe do Legislativo soteropolitano afirmou que o vice-governador Geraldo Júnior (MDB) não conseguiu reunir forças necessárias para "unificar a base" em torno do seu nome, deste modo, ele reiterou seu pleno apoio a Reis.

O líder petista na Alba, contudo, negou que o vice de Jerônimo não reúne forças para ser lançado como candidato da base governista no pleito do ano que vem. Rosembeg ainda pontuou que a estratégia do governo prevê uma conversa com todos os partidos aliados antes da batida de martelo para o pleito municipal. 

"Não foi nada em função de Geraldo [Júnior] não ter construído a unidade, não é isso. Porque a nossa estratégia é no sentido de que todos os partidos possam apresentar nomes. [...]. Depois fazermos uma avaliação conjunta para escolher o nome que mais unifique as oposições, essa é a tese", contou o parlamentar. 

O emedebista reforçou nesta terça, em nota enviada à imprensa, que continua no páreo para concorrer ao Palácio Thomé de Souza. "Continuo com o forte desejo de ser o candidato da base do Governador Jerônimo Rodrigues". 

O conselho político, responsável pela decisão dos nomes eleitorais, deve se reunir na próxima segunda-feira, 4, para alinhar as estratégias voltada ao pleito municipal dos 417 municípios baianos, conforme revelou Rosemberg. 

O que diz a oposição

O líder da oposição, deputado estadual Alan Sanches (União Brasil) também comentou sobre a decisão do presidente da CMS em apoiar a pretensa candidatura do prefeito de Salvador. Para Sanches, o anúncio de Muniz simboliza um "contraponto extremamente importante" a candidatura petista e elogia o bom trânsito do chefe do Palácio de Ondina com os partidos aliados. 

"Bruno Reis, o nosso prefeito, mostrou mais uma vez o seu grande poder de articulação. [...]. Mais uma vez Bruno mostra o seu poder de articulação e agregando cada vez mais forças políticas nesse projeto para 2024".

Publicações relacionadas