Após fala de Isidório, Erika Hilton aciona MPF e pede R$ 3 mi em danos | A TARDE
Atarde > Política > Brasil

Após fala de Isidório, Erika Hilton aciona MPF e pede R$ 3 mi em danos

Deputada quer que Isidório responda pelo crime de transfobia

Publicado quinta-feira, 21 de setembro de 2023 às 09:01 h | Autor: Da Redação
Imagem ilustrativa da imagem Após fala de Isidório, Erika Hilton aciona MPF e pede R$ 3 mi em danos
-

Após ser chamada diversas vezes de "meu amigo" pelo deputado baiano Pastor Sargento Isidório (Avante), a deputada federal Erika Hilton (PSOL-SP) decidiu acionar o Ministério Público Federal (MPF) pedindo R$ 3 milhões em danos morais coletivos, além de que Isidório responda pelo crime de transfobia.

“Novamente presenciamos fundamentalistas que cultuam o ódio atacar as existências de pessoas LGBTQIA+ e o direito, embasado em cláusula pétrea da Constituição, ao casamento homoafetivo.”, disse Hilton. 

“Seguiremos em luta e ocuparemos cada vez mais nossos lugares de direito. Seja o casório ou a política”, completou a parlamentar. 

Durante o intenso bate-boca, Isidorio, que é pré-candidato a prefeito de Salvador Erika Hilton como "meu amigo", ao defender os fundamentos pregados na Bíblia, o que causou uma euforia entre os presentes na Comissão de Previdência, Assistência Social, Infância, Adolescência e Família. Na ocasião, Hilton considerou as falas de Isidório como "absurda" e transfóbica.  

"A Bíblia não é um absurdo, meu amigo", disparou Isidório contra Hilton com a Bíblia aberta na mão direita. "Não chame ela de amigo, ela é uma mulher", disse uma deputada presente na bancada em defesa de Érika. 

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS