Menu
Pesquisa
Pesquisa
Busca interna do iBahia
HOME > política > BRASIL
Ouvir Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no X Compartilhar no Email
21/05/2024 às 21:38 - há XX semanas | Autor: Da Redação

JUSTIÇA

Ministro do STF anula decisões da Lava Jato contra Marcelo Odebrecht

Empresário recorreu à Suprema Corte para se livrar dos processos proferidos pelo então juiz Sergio Moro

Prisão do executivo, foi realizada em 2016, pelo então juiz Sergio Moro
Prisão do executivo, foi realizada em 2016, pelo então juiz Sergio Moro -

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, decidiu anular todos os atos da Operação Lava Jato contra o empresário Marcelo Bahia Odebrecht. Medida foi referendada nesta terça-feira, 21.

“Declaro a nulidade absoluta de todos os atos praticados em desfavor do requerente no âmbito dos procedimentos vinculados à Operação Lava Jato, pelos integrantes da referida operação e pelo ex-juiz Sérgio Moro no desempenho de suas atividades perante o Juízo da 13ª Vara Federal de Curitiba”, diz um trecho da decisão.

A prisão do executivo, foi realizada em 2016, pelo então juiz Sergio Moro, levou em conta a análise das conversas obtidas pelo ex-magistrado através da Operação Spoofing, que investigou e prendeu os responsáveis pela invasão hacker a aparelhos de agentes públicos.

Marcelo Odebrecht foi condenado a 19 anos e 4 meses de prisão. Para reduzir a pena, ele fez um acordo de delação por 10 anos. Na decisão, Toffoli optou por manter a delação do ex-presidente da empreiteira.

“Por fim, ressalto que a declaração de nulidade dos atos praticados na 13ª Vara Federal de Curitiba não implica a nulidade do acordo de colaboração firmado pelo requerente —revisto nesta Suprema Corte—, que sequer é objeto da presente demanda”, disse o magistrado.

O documento emitido pelo ministro aponta que as investigações sobre a Lava Jato, conduzidas pelo atual senador Sérgio Moro (União Brasil-PR), foram proferidas “ de maneira clandestina e ilegal, equiparando-se órgão acusador aos réus na vala comum de condutas tipificadas como crime”.

O resultado da ação que inocentou o ex-presidente da Odebrecht é fruto do pedido de defesa do empresário, através de uma Petição. Os advogados alegaram que o caso do empresário era semelhante ao de outros réus da Lava Jato que tiveram seus processos anulados por irregularidades na condução das investigações.

Assuntos relacionados

acordo de delação marcelo odebrecht nulidade de atos operação lava jato Sérgio Moro STF

Compartilhe essa notícia com seus amigos

Compartilhar no Email Compartilhar no X Compartilhar no Facebook Compartilhar no Whatsapp

Tags:

acordo de delação marcelo odebrecht nulidade de atos operação lava jato Sérgio Moro STF

Cidadão Repórter

Contribua para o portal com vídeos, áudios e textos sobre o que está acontecendo em seu bairro

ACESSAR

Assuntos relacionados

acordo de delação marcelo odebrecht nulidade de atos operação lava jato Sérgio Moro STF

Publicações Relacionadas

A tarde play
Prisão do executivo, foi realizada em 2016, pelo então juiz Sergio Moro
Play

Pablo Marçal bate boca com jornalista do SBT; assista

Prisão do executivo, foi realizada em 2016, pelo então juiz Sergio Moro
Play

Ramagem coloca Bolsonaro na berlinda em escândalo de gravação

Prisão do executivo, foi realizada em 2016, pelo então juiz Sergio Moro
Play

Bolsonaro chora durante evento conservador; veja

Prisão do executivo, foi realizada em 2016, pelo então juiz Sergio Moro
Play

Bolsonaro e Milei assistem juntos derrota do Brasil na Copa América

x

Assine nossa newsletter e receba conteúdos especiais sobre a Bahia

Selecione abaixo temas de sua preferência e receba notificações personalizadas

BAHIA BBB 2024 CULTURA ECONOMIA ENTRETENIMENTO ESPORTES MUNICÍPIOS MÚSICA POLÍTICA