AtlasIntel reforça legitimidade e esclarece que não há multa do TRE-BA

Não há qualquer irregularidade, muito menos na metodologia adotada pelo respeitado instituto

Publicado sexta-feira, 05 de agosto de 2022 às 11:35 h | Atualizado em 05/08/2022, 17:31 | Autor: Da Redação
Imagem ilustrativa da imagem AtlasIntel reforça legitimidade e esclarece que não há multa do TRE-BA
-

A divulgação da nova rodada de pesquisa de intenção de votos para o Governo da Bahia voltou a ensejar protestos e suspeitas infundadas, e até mesmo notícias falsas para desacreditar o levantamento. Chegou a se ventilar que o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) tivesse aplicado uma multa ao instituto responsável pela pesquisa.

Basta uma rápida pesquisa para constatar que não há multa, pelo simples fato de que nenhum julgamento foi realizado pela corte eleitoral contra o Instituto AtlasIntel. A divulgação da pesquisa, portanto, não incorre em qualquer irregularidade.

A metodologia adotada pelo respeitado instituto, atende o prazo e a Resolução TSE nº.23.600/2019, que prevê que os dados são complementados até o dia seguinte de quando a pesquisa puder ser divulgada. Estes dados foram juntados no sistema PesqueELE da Justiça Eleitoral, comprovando efetivamente os Municípios e Regiões pesquisadas (Ver imagem abaixo).

Imagem ilustrativa da imagem AtlasIntel reforça legitimidade e esclarece que não há multa do TRE-BA

A nova coleta alcançou 329 municipios baianos. Mais de quatro vezes mais que a média de 80 municípios normalmente utiliados nas demais pesquisas. O Instituto AtlasIntel tem cinco anos de atuação e já construiu uma sólida reputação internacional, amparada na projeção de resultados em eleições de variados países e com índices de acerto superiores aos demais institutos, ditos tradicionais.

Foi assim nas eleições presidenciais de 2020 nos Estados Unidos, em 2019 na eleição do presidente da Argentina, onde o instituto também teve bom desempenho nas eleições legislativas de 2021, além dos pleitos presidenciais do Chile (2020) e Colômbia (2022).

Confira aqui a Metodologia da Pesquisa

No Brasil, o instituto também mostrou a eficácia de sua metodologia, baseada na coleta de dados online.  Nas eleições municipais de 2020, enquanto o Datafolha dava 10 pontos de vantagem de Bruno Covas (PSDB) sobre Guilherme Boulos (PSOL), o AtlasIntel cravava 18% de diferença, um ponto a menos que o verificado quando da apuração das urnas.

O Co-fundador do instituto, o mestre e doutor em ciência política pela Universidade de Harvard, Andrei Roman, explica que a mesma situação foi verificada em Boa Vista (RR) e Porto Alegre (RS),  onde o voto bolsonarista foi subestimado e os demais institutos “erraram bastante”. O AtlasIntel é o único instituto selo “A” do ‘fivethirtyeight’ instituto americano que avalia empresas de levantamento estatístico. Nas eleições americanas, o Atlas teve uma margem de 2,01 pontos, a menor entre todas as empresas de pesquisa locais.

O AtlasIntel atua, além de levantamentos eleitorais, no monitoramento de redes sociais, previsões econômicas e algoritmos de processamento de texto. 

Publicações relacionadas