Bolsonaro tem vídeo retirado do YouTube; Plataforma pode retirar outro

Live derrubada trazia discurso do presidente com questionamento sobre urnas e eleições

Publicado terça-feira, 19 de julho de 2022 às 12:19 h | Atualizado em 19/07/2022, 14:44 | Autor: Da Redação
Jair Bolsonaro (PL) tem questionado segurança das urnas eletrônicas e processo eleitoral como um todo, mas sem mostrar provas
Jair Bolsonaro (PL) tem questionado segurança das urnas eletrônicas e processo eleitoral como um todo, mas sem mostrar provas -

Com a justificativa de que houve infração às diretrizes da comunidade, o YouTube retirou do ar um vídeo de Jair Bolsonaro (PL) que foi gravado em formato de live no dia 29 de julho do ano passado. Na ocasião, o presidente da República questionou a segurança das urnas eletrônicas e do processo eleitoral como um todo.

“Temos trabalhado para manter nossas políticas e sistemas atualizados de forma a dar visibilidade a conteúdo confiável e reduzir a disseminação de informações enganosas, permitindo, ao mesmo tempo, a realização do debate político”, se posicionou o YouTube em nota.

A plataforma de vídeos também estuda retirar do ar o vídeo do encontro entre Bolsonaro com embaixadores, nesta segunda-feira, 18. Na ocasião, o presidente da República disse que seu governo está “empenhado em apresentar uma saída” para as eleições deste ano.

Entre os que se posicionaram ou se mobilizaram após o discurso de Bolsonaro desta segunda, estão o pré-candidato à reeleição ao Senado, Otto Alencar (PSD), que afirmou que o presidente “flerta com o golpe”, e entidades brasileiras, que se mobilizam para marcar encontro com parlamentares dos Estados Unidos com o intuito de discutir o risco de golpe no Brasil.

Publicações relacionadas