Justiça condena ator de 'Round 6' por assédio sexual | A TARDE
Atarde > A TARDE + > CINEINSITE

Justiça condena ator de 'Round 6' por assédio sexual

Artista foi condenado a oito meses de prisão com suspensão condicional da pena por dois anos

Publicado sexta-feira, 15 de março de 2024 às 10:26 h | Autor: AFP
Ator foi o primeiro sul-coreano a ganhar o Globo de Ouro de melhor ator coadjuvante de série
Ator foi o primeiro sul-coreano a ganhar o Globo de Ouro de melhor ator coadjuvante de série -

O veterano ator sul-coreano O Yeong-su, conhecido por seu papel na série da Netflix 'Round 6', foi considerado culpado de assédio sexual, informou um tribunal local nesta sexta-feira, em um caso que remonta a 2017.

O intérprete de 79 anos se tornou o primeiro sul-coreano a ganhar o Globo de Ouro de melhor ator coadjuvante de série, em 2022, por sua interpretação de um idoso na famosa série distópica.

O ator foi condenado a oito meses de prisão com suspensão condicional da pena por dois anos (sursis), informou o tribunal de Suwon à AFP.

O tribunal também determinou que ele passasse 40 horas em um programa contra a violência sexual.

As lembranças e declarações da vítima são "coerentes" e não parecem "ter sido feitas sem tê-las vivenciado", disse o tribunal.

O ator foi acusado em 2022 de assediar sexualmente uma mulher, que não foi identificada, em duas ocasiões.

"Round 6", uma série que imagina um mundo macabro no qual pessoas marginalizadas se enfrentam em jogos infantis tradicionais que se tornam mortais, virou o lançamento da série mais popular da Netflix, atraindo 111 milhões de seguidores em menos de quatro semanas após sua estreia em 2021.

Continua sendo um dos programas mais populares da plataforma.

Muitas figuras da indústria cinematográfica sul-coreana, como o falecido realizador de cinema Kim Ki-duk e o ator Cho Jae-hyun, enfrentaram acusações de agressão sexual.

Publicações relacionadas