Menu
Pesquisa
Pesquisa
Busca interna do iBahia
HOME > BRASIL
Ouvir Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no X Compartilhar no Email
30/04/2023 às 18:18 - há XX semanas | Autor: Alex Rodrigues | Agência Brasil

Comitiva está a caminho de comunidade indígena atacada por garimpeiros

Informação é da ministra dos Povos Indígenas, Sonia Guajajara

Sônia também destacou que, embora tenha se agravado nos últimos anos, a invasão criminosa da Terra Indígena Yanomami é um problema histórico
Sônia também destacou que, embora tenha se agravado nos últimos anos, a invasão criminosa da Terra Indígena Yanomami é um problema histórico -

A ministra dos Povos Indígenas, Sonia Guajajara, anunciou pelas redes sociais o envio de uma comitiva interministerial à comunidade Uxiú, na Terra Indígena Yanomami, que foi invadida por garimpeiros na tarde de sábado, 29. No ataque, um yanomami morreu após ser atingido por um tiro e dois baleados foram transportados para a capital de Roraima, Boa Vista, onde estão internados no Hospital Geral de Roraima (HGR).

Segundo a ministra, foi solicitado apoio do Ministério da Justiça e Segurança Pública para que a Polícia Federal (PF) investigue o caso.

Sônia também destacou que, embora tenha se agravado nos últimos anos, a invasão criminosa da Terra Indígena Yanomami é um problema histórico. “A situação de invasores na TI Yanomami vem de muitos anos e, mesmo com todos os esforços [que estão] sendo realizados pelo governo federal, ainda faltam muitas ações coordenadas até a retirada de todos os invasores do território”, escreveu a ministra.

Em nota, o Ministério da Justiça e Segurança Pública informou que tomou conhecimento dos crimes ocorridos no território Yanomami e enviará uma comitiva ao local nesta segunda-feira (1⁰). "Irão a Roraima o secretário Nacional de Segurança Pública, Tadeu Alencar, o diretor da Força Nacional, coronel Fernando Alencar e o Diretor de Amazônia e Meio Ambiente da Polícia Federal, Humberto Freire", diz a nota.

O ministério informa ainda que duas equipes da Polícia Federal já estão na comunidade indígena, onde ouviram testemunhas e realizaram perícias. "Outras diligências seguem em andamento para identificar e prender os autores de crimes, enquanto as ações de desintrusão [desocupação] dos invasores das terras indígenas continuam no âmbito da Operação Libertação", acrescentou o ministério.

Assuntos relacionados

ataque Comitiva Comunidade Indígena direitos humanos garimpo ilegal Roraima Sonia Guajajara Terra Indígena Yanomami

Compartilhe essa notícia com seus amigos

Compartilhar no Email Compartilhar no X Compartilhar no Facebook Compartilhar no Whatsapp

Tags:

ataque Comitiva Comunidade Indígena direitos humanos garimpo ilegal Roraima Sonia Guajajara Terra Indígena Yanomami

Repórter cidadão

Contribua para o portal com vídeos, áudios e textos sobre o que está acontecendo em seu bairro

ACESSAR

Assuntos relacionados

ataque Comitiva Comunidade Indígena direitos humanos garimpo ilegal Roraima Sonia Guajajara Terra Indígena Yanomami

Publicações Relacionadas

A tarde play
Sônia também destacou que, embora tenha se agravado nos últimos anos, a invasão criminosa da Terra Indígena Yanomami é um problema histórico
Play

VÍDEO: Homem atira contra casal em carro em rodovia de SP

Sônia também destacou que, embora tenha se agravado nos últimos anos, a invasão criminosa da Terra Indígena Yanomami é um problema histórico
Play

Pai é preso após ser filmado abusando da filha internada na UTI

Sônia também destacou que, embora tenha se agravado nos últimos anos, a invasão criminosa da Terra Indígena Yanomami é um problema histórico
Play

Mulher grávida 'invade' Câmara e exige que vereador reconheça filho

Sônia também destacou que, embora tenha se agravado nos últimos anos, a invasão criminosa da Terra Indígena Yanomami é um problema histórico
Play

Avião cai em região de mata e deixa duas pessoas mortas; assista

x

Assine nossa newsletter e receba conteúdos especiais sobre a Bahia

Selecione abaixo temas de sua preferência e receba notificações personalizadas

BAHIA BBB 2024 CULTURA ECONOMIA ENTRETENIMENTO ESPORTES MUNICÍPIOS MÚSICA POLÍTICA